― Advertisement ―

spot_img

Grupo de produtores venecianos se une para criar Associação Força do Agro

Um grupo de médios e grandes agricultores de Nova Venécia se reuniu para criar a Associação Força do Agro, para promover o desenvolvimento sustentável e fortalecer o agronegócio, por meio da união e representatividade dos produtores rurais, buscando criar um ambiente favorável para o crescimento econômico, a inovação tecnológica e o bem-estar social, valorizando a produção de forma responsável.

A Associação possui objetivos a curto e longo prazo. De início, está representar e unir os produtores rurais, defendendo seus interesses e direitos perante órgãos públicos, entidades privadas e a sociedade em geral; agenciar compras coletivas; reunir com Ministério do Trabalho, Polícia Militar, Prefeitura, Câmara de Vereadores, e governos Estadual e Federal; contribuir com o conhecimento, trazendo palestras com temas relevantes ao agronegócio; promover feiras de agronegócio na região; e construir união entre os membros da Associação, estabelecendo média de preços de serviços.

A longo prazo, o grupo prevê estimular a inovação tecnológica e a adoção de boas práticas agrícolas para aumentar a produtividade e a qualidade dos produtos agrícolas; fomentar a capacitação e o desenvolvimento profissional dos agricultores, oferecendo programas educacionais, treinamentos e acesso a informações relevantes; contribuir para a melhoria das condições de trabalho e segurança dos agricultores; buscar parcerias e alianças estratégicas com contadores, advogados, clinicas medicas, planos de saúde, laboratórios clínicos, veterinários, agrônomos, lojas, empresas de exportação e torrefação de café, entre outros, a fim de fortalecer a atuação da Associação; patrulha mecanizada para atender os produtores; e construção de uma sede com espaço amplo para atendimento aos membros.

No último sábado (17), a Associação se reuniu no Espaço do Paulão, que teve uma palestra com um engenheiro do trabalho, que falou sobre a necessidade de regularização às questões trabalhistas, principalmente, com a proximidade da safra do café. “Somos uma entidade que está sendo constituída para representar os médios e grandes produtores da região. Temos uma aceitação muito grande, os agricultores estão vendo essa necessidade de se unir em busca de um objetivo comum, de defender nossa agricultura. Convidamos a todos para estarem participando, em breve teremos um quarto encontro para estar discutindo o estatuto e fundado a Associação”, falou André Herzog, que é o presidente da diretoria provisória da Força do Agro.

“Nossa visão é ser reconhecida como uma associação líder do agronegócio, representando os interesses dos produtores rurais e contribuindo para a construção de uma agricultura e pecuária próspera e sustentável. Pretendemos ser referência em inovação, capacitação e defesa dos direitos, trabalhando em parceria com entidades públicas e privadas para impulsionar o crescimento do agronegócio”, concluiu André.

A diretoria provisória da Associação Força do Agro é composta por André Herzog, Carlos Eduardo Cunha, Braz Veloso, Pedro Fornaciari, Thiago Donadia Erick Bis, Gilson Zanelatto e Valdeir Fávero.