― Advertisement ―

spot_img

ES: van escolar cai de barranco, capota e alunos ficam feridos

Uma van escolar caiu de um barranco e capotou no início da manhã desta terça-feira (21) na avenida Carlos Lindenberg, na altura do bairro...

Ovo Caribe desaparece das prateleiras a uma semana da Páscoa

Amado por muitos e odiado por outros, com o famoso bombom de chocolate com banana não tem meio-termo. Mas a paixão por essa combinação é levada a sérios por muitos fãs, que até tatuaram o chocolate no corpo. Atendendo a pedidos do público apaixonado, a maior fábrica de chocolates da América Latina, que é responsável pela fabricação do produto, fez um ovo exclusivo para a Páscoa.

O produto bombou tanto que faltando mais de uma semana para a data já não é possível encontrá-lo nas prateleiras. E olha que ninguém deixou para comprar de última hora. Ficou tão raro que, na internet, ele está sendo vendido por mais de R$ 440 a unidade.

Até mesmo na fábrica em Vila Velha, na Grande Vitória, onde o ovo foi produzido, a empresa confirmou que o produto está esgotado.

A empresa não divulgou números de quantos ovos Caribe foram produzidos para a Páscoa neste primeiro ano de lançamento, mas já é possível ter uma noção do sucesso do produto a partir da venda do bombom na loja da fábrica. Mesmo sendo esnobado por muitos e conhecido como o último chocolate da caixa amarela, o Caribe é o bombom mais vendido na loja, chegando a cerca de 600 kg de unidades a granel todo o mês.

Além disso, a Garoto afirmou que para este ano o ovo Caribe não será mais produzido.

“Para esse momento, o Ovo Caribe está oficialmente esgotado nos principais varejistas e, também, na nossa loja exclusiva dentro da fábrica de Vila Velha, no Espírito Santo. Nesse momento, não voltaremos com a produção, pois já estamos com os esforços voltados para o encerramento do período de 2024”, divulgou a empresa.

Mas os chocólatras não precisam ficar tristes, a empresa não descartou a possibilidade da volta do produto no ano que vem, e disse que já está estudando cenários para a Páscoa de 2025.