― Advertisement ―

spot_img

Mutirão de Atendimentos Públicos realiza promoção de cidadania na Escola João Bastos ...

A Prefeitura realizou no último sábado (25) um grande mutirão de atendimentos públicos, envolvendo várias secretarias na Escola Municipal João Bastos, localizada no Bairro...

Jornalista é encontrado morto dentro de apartamento em Barra de São Francisco

O jornalista Weber Andrade, de 60 anos, foi encontrado morto, dentro do apartamento em que ele morava, na tarde de sexta-feira (22), no Centro de Barra de São Francisco, no Noroeste do Espírito Santo. Além de escrever para o site Tribuna Norte-Leste, o jornalista também era servidor da prefeitura da cidade.

Colegas de trabalho da prefeitura relataram que perderam contato com Weber desde a noite de quarta-feira (20). Na sexta, moradores do edifício em que ele morava acionaram a Polícia Militar após sentirem um odor forte vindo do apartamento onde Weber morava. Ao entrarem no apartamento, os PMs encontraram o corpo do jornalista sobre uma cama.

A Polícia Militar informou que uma equipe foi acionada para ir ao Centro de Barra de São Francisco, nas proximidades de um supermercado onde uma mulher relatou que estava sendo um odor muito forte em um dos apartamentos do imóvel dela. Ela também disse que já tinha uns dias não notava a presença de um dos inquilinos no prédio. Diante das informações, a equipe foi até o imóvel indicado, onde constatou que a porta estava encostada. Ao entrar, os policiais se depararam com um corpo de um homem sobre a cama. A perícia da Polícia Científica (PCIES) foi acionada.

A Polícia Científica (PCIES) informou que mandou um perito até o local, e ele entendeu que a vítima morreu em decorrência de causas naturais. Por isso, segundo a corporação, a ocorrência foi registrada como morte natural e o corpo recolhido por uma funerária. A reportagem apurou que um médico da cidade assinou o atestado de óbito, e o cadáver foi liberado para o funeral. O corpo de Weber foi sepultado na manhã deste sábado (23).