― Advertisement ―

spot_img

Jorge & Mateus pode ser a atração da festa da cidade de Águia Branca

A dupla Jorge & Mateus pode ser a principal atração da festa da cidade de Águia Branca em 2024. O SiteBarra tentou contato com...

Biblioteca Municipal será reativada na sede da Secultur, na Vila Gonçalves

A prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secultur) está catalogando os livros do acervo da Biblioteca Municipal Dr. Pedro Talles Cruz Paes, para enfim reabri-la ao público, na sede da pasta, na Avenida Minelvina Garcia, no bairro Vila Gonçalves. A previsão é de que a Biblioteca Municipal seja reinaugurada no início de fevereiro.

De acordo com o secretário Walber da Silva Paiva, a biblioteca municipal está sendo restaurada, a começar pela seleção e separação de alguns livros desatualizados como os de Direito que são datados desde antes da Constituição de 1988. “Temos muitos livros com conteúdos em Geografia, Literatura em contos, romances e infantis de autores comoJorge Amado, Maria Clara Machado, Machado de Assis, Ziraldo e Maurício de Souza para crianças”, pontuou.

A nova biblioteca também terá o apoio direto do Ministério da Cultura, que por meio da Secretaria Nacional do Livro e da Leitura, atenderá as necessidades da Secultur mediante pedido já protocolado ao ministério.

Até o final do mandato anterior, a biblioteca funcionava no térreo do antigo Colégio Independência, na Rua Prefeito Manoel Gonçalves, no Centro, mas o prédio está em situação precária e deverá passar por reformas para atender outros projetos do município.

Biblioteca Virtual

Em breve na sede da Secultur também haverá uma biblioteca virtual que será implementada com ajuda de recursos do Governo Estadual. Segundo o subsecretário Municipal Pedro Estevam, a biblioteca virtual disponibilizará mais de 30 editoras e aproximadamente 18 mil livros, sendo liberados de 300 a 499 acessos na plataforma da Pearson Higher Education, além de uma sala climatizada com três computadores e uma impressora.

“No próximo dia 7 de fevereiro, nós vamos sentar junto ao deputado estadual Mazinho dos Anjos e buscar recursos para adquirirmos a plataforma”, informou Pedro. A biblioteca tem aproximadamente 18 mil livros que são atualizados constantemente.

“Ela é usada por universidades como a Mackenzie, várias universidades federais, a Unopar, e vamos tê-la também. Nós vamos ter um espaço separado para leitura, para termos um ambiente bacana de leitura. Acreditamos que essa biblioteca virtual, no final de março ou início de abril, já esteja funcionando”, destacou o secretário Walber Paiva.

De acordo com o secretário, assim que disponível, o acervo digital também será liberado para a rede de ensino público municipal.