― Advertisement ―

spot_img

Ibovespa fecha em queda de 0,3% e começa a terça-feira aos 127,7 pontos

As principais altas foram registradas por Isa Cteep, MRV e Marfrig. IRB e Eletrobras ON  ficaram com as maiores baixas O Ibovespa (índice da bolsa...

Preço da soja em alta

Tendinite: o que causa? Quais os sintomas e o que fazer?

A tendinite é uma inflamação do tendão, estrutura que se assemelha a uma corda que conecta o músculo ao osso, assim, para movimentar qualquer parte do corpo, o músculo se contrai.

O principal sintoma é a dor, especialmente durante os movimentos que envolvem a articulação afetada. A depender do local da tendinite, tem o ponto e o movimento que mais dói. Por exemplo, se a tendinite é do calcâneo, a dor será acima do calcanhar, no tendão calcâneo ou de Aquiles.

Além da dor, podem surgir inchaços, vermelhidão e a medida que o problema persiste, pode causar rigidez. O tendão deixa de ser elástico podendo ficar mais espesso e surgir caroços, que são como cicatrizes ao longo do tendão, levando a perda de força e até mesmo a mobilidade. Em casos graves, pode até ocorrer ruptura do tendão.

O que causa a tendinite?

Sobrecarga ou esforço exagerado, podendo ser um problema de esforço físico que você causou ou até mesmo a qualidade do seu tendão, se você possui um tendão mais frágil e propenso a inflamação, mesmo sendo pouco exigido nas situações do dia a dia, pode acabar inflamando.

Fatores de risco

  • Movimento repetidos como a digitação que causa a tendinite no punho;
  • Correr e pular que pode causar a tendinite na região do calcanhar;
  • Jogador de tênis tende a ter no cotovelo, epicondilite lateral;
  • Esforço físico vigoroso sem o preparo físico adequado.

Diagnóstico

O diagnóstico da tendinite é feito com base na história clínica, exame físico detalhado e em alguns casos, exames complementares. 

Tratamento

O tratamento visa em primeiro lugar reduzir a inflamação, melhorar a dor e favorecer a cicatrização. Em segundo momento, fortalecer o músculo e o tendão envolvido, assim como o grupo de músculos ao redor do tendão que atuam em conjunto para a realização do movimento. Nas fases iniciais, podem ser indicadas medicações analgésicas, anti inflamatórias e relaxantes musculares para o alívio da dor e sintomas. Após a melhora da dor, é incluída a realização da fisioterapia e o correto fortalecimento.

É fundamental identificar a causa do problema para direcionar o tratamento de forma eficaz.

Para mais informações, assista ao vídeo no canal Doutor Ajuda no youtube.

Foto: Reprodução/Canal Doutor AjudaFoto: Reprodução/Canal Doutor Ajuda