― Advertisement ―

spot_img

Secretaria de Saúde começa a vacinar crianças de 10 a 14 anos contra a dengue nesta quinta-feira

A Prefeitura de Barra de São Francisco, por meio da Secretaria de Saúde, realizará na quinta e sexta-feira, dias 25 e 26, a vacinação...

Segue em Barra de São Francisco o curso de eletricista

Está sendo realizado pela Prefeitura, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Geração de Emprego (Semdege) e em parceria com o Sindicato Rural e Patronal, e o Serviço Nacional de Aprendizagem (Senar), o curso de eletricista.

O curso teve início em janeiro e deverá seguir até maio, com turmas alternadas de 15 alunos, que ao todo somarão 70 inscritos. As aulas estão sendo realizadas nas sextas-feiras, sábados e domingos, na antiga Câmara de Vereadores, no Centro de Barra de São Francisco. Esta é a segunda turma.

Segundo o professor do curso e engenheiro elétrico, Jader de Oliveira, há no município uma carência muito grande de profissionais no setor elétrico e não havia cursos profissionalizantes na área elétrica, por isso a Semdege, com o apoio dos sindicatos citados procurou o Senar e trouxe o curso para a cidade. Ele citou a importância do curso para os alunos. “Eles estão recebendo uma profissão. Tanto poderão trabalhar na comunidade, como também receber como profissional da área de eletricidade”, destacou o professor Oliveira.

O aluno Robert Teixeira é pedreiro e disse estar aprendendo muito sobre eletricidade e que o curso irá ajudar muito na sua profissão. “A pessoa que trabalha está tendo a oportunidade de fazer o curso e estar se aperfeiçoando, pegando novos trabalhos e ganhando um extra”, afirmou Teixeira.

Wanderson Ferreira Santos também é aluno do curso de eletricista. Ele já trabalha no setor e está com uma expectativa muito boa para o que o aprendizado lhe proporcionará. “O diploma e o curso são muito importantes, porque tira as nossas dúvidas que acabamos tendo. Vendo os eletricistas trabalhando, ficamos pensando, como é feito aquilo dali e agora ganhando esse curso, nós acabamos tirando a curiosidade, além de podermos trabalhar na prática e procurar emprego na área, que está com a oferta de trabalhadores escassa no setor, aqui na região. É uma renda a mais para a nossa família”, disse Wanderson, que destacou ainda, a importância do diploma na hora da contratação. “Acabam as empresas dando mais oportunidades de emprego a quem tem o diploma na mão, porque não adianta você saber e não ter um diploma, afinal as empresas só contratam com diploma, para não trazer risco na função em que você está exercendo e você precisa estar qualificado para exercer aquela função ali naquela empresa”, encerrou ele.

A aluna Maurelia Pereira Vidal, única aluna mulher no curso, agradeceu o empenho da prefeitura e do secretário de Desenvolvimento Econômico e Geração de Emprego, Guilherme Fernandes, em trazer o curso para a cidade e falou da importância dele para as mulheres. “O curso é de suma importância, até para a nossa sobrevivência no dia a dia. Porque se uma tomada der problema em casa, muitas das vezes você não sabe solucionar e esse curso te ensina. Inicialmente nós estamos no primeiro módulo que é eletricidade básica residencial, que abrange tomadas, interruptores, chuveiros elétricos, ventiladores de teto, alta tensão e baixa tensão. Temos um professor extremamente capacitado. Se você não quiser seguir carreira, vai servir para o seu dia a dia, como mãe, como pessoa, como ser humano. O município tem investido em capacitação e os cursos estão sendo ofertados a nossa disposição e em breve também teremos o curso de elétrica pesada” enfatizou a aluna.

Outro curso profissionalizante importante teve início nesta segunda-feira (19). Começou nesta semana o curso de Corte e Costura, que está sendo realizado na Casa do Artesão. O curso também é uma parceria da prefeitura, através da Semdege com o Senar. Ele terá uma carga horária de 120 horas de aula e busca capacitar pessoas para confeccionar peças do vestuário.

Informações sobre o curso de eletricista e de corte e costura poderão ser realizadas diretamente pelo WhatsApp  (27) 99707-7242.