― Advertisement ―

spot_img

Ibovespa fecha em queda de 0,58% e começa a quarta-feira aos 123,7 pontos

  O Ibovespa (índice da bolsa de valores brasileira) caiu 0,58% e fechou a terça-feira(28) a 123,7 mil pontos. A alta da inflação de consumo...

Sandrera apresenta canções e poemas em show ‘Poemas Engarrafados’

Expoente da cena folk rock nacional, o cantor e compositor capixaba Sandrera sempre utilizou a palavra como motor para sua criação artística, seguindo os passos de suas principais referências, como Bob Dylan, Joan Baez, Neil Young, Belchior, Raul Seixas e Zé Geraldo. Em seu novo show, “Poemas Engarrafados”, o músico celebra esse encontro em forma de “palavra cantada”, como ele gosta de definir o espetáculo que será apresentado no próximo dia 18 de abril, no auditório do CEU das Artes, em Anchieta; e no dia 19 de abril, no Palácio da Cultura Sônia Cabral, em Vitória. 

O show “Poemas Engarrafados” foi contemplado no Edital de Produção e Difusão de Obras Literárias da Secretaria da Cultura (Secult), com recursos do Fundo de Cultura do Estado do Espírito Santo (Funcultura). 

Repaginado

Em 2021, o espetáculo “Poemas Engarrafados” foi apresentado pela primeira vez no Palácio da Cultura Sônia Cabral, por meio da Lei Emergencial Aldir Blanc. Agora, o show volta repaginado com novo repertório e a participação de Sandrera com um quarteto formado por Ricardo Mendes Cachalote (steel guitar, banjo e bandolim), Claudine Abreu (voz, rabeca, violino e viola clássica), Fellipe Veglione (harpa) e Ded Bonfim (voz, violão de 12 e 6 cordas).

O repertório será composto por músicas do álbum de estreia de Sandrera, “Prateleira” (2018), e faixas do seu mais recente trabalho, o álbum “Quase Hippie”.

 (Foto: Ângelo Venturim)(Foto: Ângelo Venturim)

(Foto: Ângelo Venturim)

Sarau musical

“Este show leva o público a um clima de sarau musical. As canções trazem, em sua essência, a valorização da letra e da poesia, e deixam nos versos o convite para o público se juntar ao coro”, adianta Sandrera. O artista cita pelo menos dois trechos do espetáculo em que o encontro entre poesia e canção se reveste de aspectos lúdicos e interativos. “Um desses momentos ocorre quando, em pleno show, um poema é desengarrafado e declamado pela violinista, durante a execução da canção ‘Feito Criança’. Em outro momento do show, convido alguém da plateia para subir a o palco, desengarrafar um poema e declamá-lo junto a um fundo musical criado pelos músicos”, revela.

“Poemas Engarrafados” não é uma incursão isolada de Sandrera na literatura. Em 2023, o músico publicou o livro “Amorança”, romance infantojuvenil que representou um embrião do conteúdo apresentado por ele no show. O espetáculo vem a se somar a uma série de lançamentos do artista nos últimos 30 dias, que incluem o videoclipe “Lugar ao Som”, com participação de Zé Geraldo, e a disponibilização do álbum “Quase Hippie” nas plataformas digitais.

Musicalmente, o público pode esperar pela reconhecida estética folk rock do artista, com sonoridade baseada na junção de steel guitar, harpa, banjo, violino, rabeca, bandolim e violões de 6 e 12 cordas. “São experimentos que proporcionam uma textura de palavra cantada, o que permite uma interatividade maior com o público”, define.

 

Serviço:

Show “Poemas Engarrafados”, com Sandrera e Banda

Data: 18 de abril

Horário: 19h30

Local: Auditório CEU das Artes – Guanabara, Anchieta (ES)

Entrada: gratuita

 

Data: 19 de abril

Horário: 20h

Local: Palácio da Cultura Sônia Cabral – R. São Gonçalo, Centro, Vitória (ES)

Entrada: gratuita