― Advertisement ―

spot_img

Reforma tributária: ressarcimento de crédito vai depender de pagamento do tributo nas etapas anteriores

A apropriação de crédito por uma empresa no novo regime tributário terá como condição o recolhimento dos impostos pelos fornecedores nas etapas anteriores da...

Financiamentos à Inovação viabilizam crédito a mais empresas capixabas

Os empreendimentos de grande porte representam cerca de 10% das empresas capixabas, segundo dados do Observatório da Indústria, da Federação das Indústrias do Espirito Santo (Findes). Ao investirem em Inovação, essas instituições podem desenvolver meios importantes para o alcance de maior eficiência operacional e para consolidarem suas posições como protagonistas no cenário nacional e internacional.

Pensando em impulsionar as iniciativas de Inovação e Pesquisa para este público, a Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) ampliou as possibilidades de financiamento também para negócios com Receita Operacional Bruta acima de R$ 300 milhões. Anteriormente, o rendimento máximo era de R$ 300 milhões, o que limitava o crédito às empresas de médio e grande portes.

Somente no primeiro trimestre deste ano, o Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo (Bandes), repassador Finep, desembolsou R$ 17,2 milhões pelas linhas da Financiadora, em operações com valor médio de R$ 4,3 milhões, majoritariamente do setor industrial. Ocupando a segunda posição entre as maiores repassadoras credenciados do Sudeste em 2023, o banco capixaba tem atuação evidenciada no Estado e dispõe de R$ 150 milhões para apoio a projetos inovadores.

Setores como o de Serviços, o da Indústria de Transformação e o da Construção Civil se destacam no cenário das empresas capixabas de grande porte, principalmente na Grande Vitória, Aracruz, Linhares e Cachoeiro de Itapemirim, representando a solidez e a diversidade da economia local.

De acordo com dados da Agência IBGE, a taxa de investimento em Inovação, Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) nestas empresas, em nível nacional, figura entre cerca de 80%, o que demonstra o compromisso com o avanço tecnológico e a busca por soluções criativas. As estatísticas refletem o potencial de crescimento e competitividade dessas instituições, além de apontarem a importância do investimento nessas áreas para impulsionar o desenvolvimento econômico regional.

Inovação de Norte a Sul do Estado

No último Mês, as equipes do banco capixaba, da Financiadora e do Sindicato das Indústrias da Madeira e do Mobiliário de Linhares e Região Norte do Espírito Santo (Sindimol) promoveram o “Finep Day”, em Linhares. O evento aproximou empresas da região que buscam investir na inovação de seus processos às possibilidades de financiamento pelas linhas.

“Queremos estar presentes em todas as pontas do Brasil, por isso, programações como o ‘Finep Day’ são imprescindíveis para alcançarmos propostas inovadoras de todas as regiões do País. É importante lembrar que as empresas do interior têm tanto mérito e capacidade de inovação quanto às dos grandes centros. A adoção de práticas inovadoras pode acontecer nos mais diversos setores, como o da Agroindústria, da Indústria Moveleira e da Indústria Têxtil, por exemplo”, destacou o analista de Operações de Crédito Descentralizadas da Finep, Ricardo Valente.

Além disso, a programação também contou com insights de cases inovadores que inspiraram o público presente. Um dos painelistas foi o representante da Proteinorte Alimentos, Fernando Marin. A empresa é uma das maiores indústrias de alimentos de origem avícola capixaba e buscou o apoio de quase R$ 20 milhões das linhas de Inovação repassadas pelo Bandes para a construção de um incubatório, em Sooretama. O investimento vai alavancar ainda mais a atuação da empresa no Espírito Santo e é uma das maiores operações do banco em recursos Finep.

No pitch, Marin frisou a respeito do impacto do projeto para otimizar a produtividade da empresa. “O maior incremento do projeto foi para a verticalização da produção. Nesse novo estágio, há equipamentos com mais tecnologia e know-how para a produção. Com isso, é necessário termos profissionais mais especializados para darem sequência ao processo. Assim, ao aliar máquinas mais inovadoras e trabalhadores mais qualificados, há um grande ganho de bem-estar dos animais e maior rentabilidade produtiva”.

Apoio a projetos inovadores

Para empresas em desenvolvimento de novos produtos, serviços e até mesmo aprimoramento de atividades já existentes, o Bandes dispõe das linhas Finep Inovacred, que podem ser ideais. As micro, pequenas, médias e grandes empresas com histórico de inovação podem recorrer à linha Finep Inovacred Expresso, que busca facilitar o acesso ao crédito.

Condições operacionais
Finep Inovacred
Limite de financiamento: até R$ 15 milhões;
Prazos: carência de até 24 meses e prazo total de até 96 meses;
Taxa de Juros: TR + 4,2% ao ano (a depender do Porte da Empresa).
CET – Custo Efetivo Total

Finep Inovacred Expresso
Limite de financiamento: até R$ 15 milhões;
Prazos: carência de até 12 meses e prazo total de até 72 meses;
Taxa de Juros: a partir de TR + 4,2% ao ano (a depender o porte da empresa)
CET – Custo Efetivo Total

Finep Aquisição Inovadora Telecom
Valor financiável: até R$ 15 milhões
Taxa de juros: 7% ao ano + TR
Prazo total: de até 120 meses
Carência: de até 24 meses

Gostou do conteúdo? Conheça outras matérias sobre o assunto:
‘Finep Day’ apresenta oportunidades de apoio à inovação industrial em Linhares

Informações sobre as linhas de financiamento:
www.bandes.com.br/inovacao