― Advertisement ―

spot_img

Real Noroeste treina em Barra de São Francisco visando a série D do Brasileiro

A equipe do Real Noroeste Capixaba Futebol Clube realizou seu primeiro treino no Estádio Municipal Joaquim Alves de Souza, localizado no Bairro Campo Novo,...

PRF registra crescimento de 10% nos casos de sinistros durante Operação Carnaval 2024

Os casos de sinistro — ocorrências que resultam em dano material, lesão corporal ou morte no trânsito — cresceram em 2024 com relação ao mesmo período do ano passado. A Operação Carnaval, realizada pela Polícia Rodoviária Federal entre os dias 9 e 14 de fevereiro, contabilizou 1.223 sinistros nas rodovias federais, com 85 mortes e 1.370 feridos. De acordo com o diretor do Portal do Trânsito Celso Mariano, é necessário ter consciência de que, nos últimos anos, houve sim melhoras até consistentes, segundo ele, mas acredita que estamos muito longe de viver num país cujo trânsito, transporte, mobilidade é realmente seguro.

“Nós podemos, é claro, levar esses dados em conta para ajustar as próximas ações, as próximas políticas ou as modificações das políticas que temos mas não podemos fazer isso sem levar em conta a perspectiva de longo prazo, senão continuaremos nos enganando, continuaremos pensando que campanha é capaz de fazer o papel da educação. 

Para ele, o panorama só mostra que ainda existem motoristas que dirigem com falta de atenção e educação no trânsito.

“Quando nós estamos numa via, nós nunca sabemos com quem vamos cruzar. E nós dependemos totalmente, porque o sistema de trânsito é assim, do comportamento do outro. É uma fé que depositamos compulsoriamente, às vezes inconscientemente, que o outro também vai seguir a regra.” Mariano ainda acrescenta. 

“Veja como o trânsito cria armadilhas situacionais das quais só é possível se gerenciar nível de segurança se houver efetivamente, de forma ampla, consistente, programas que garantam que as pessoas estejam recebendo educação para o trânsito”, ressalta.

O levantamento da PRF mostra que, em 2024, os registros de sinistros aumentaram 10% com relação ao ano passado. Foram 1.223 ocorrências este ano e 1.112 no ano anterior. Na contramão, os sinistros graves tiveram uma redução de 1%, com 284 casos em 2024 e 286 em 2023. No mesmo sentido estão os casos de mortes (85), com redução de 6% e feridos com queda de 1%, passando de 1.386 para 1.370.

O advogado especialista em trânsito Marcelo Araújo acredita que, após a pandemia, a circulação de carros nas rodovias tiveram um aumento signifcativo na movimentação nas rodovias.

“A pandemia, ela carretou uma mudança no trânsito, ou seja, menos pessoas circulando, aglomerações em relação ao carnaval, viagens nessa época do ano nos últimos três anos houve uma diminuição e agora a gente pode dizer que, a partir de 2023, agora 2024, teria retornado aquela situação anterior à pandemia de movimento, de aglomeração, de viagem das pessoas utilizando as rodovias”, avalia.

Durante os seis dias de operação, o enfrentamento à criminalidade também foi mantido. Ao realizar as fiscalizações, os agentes apreenderam 2.264 kg de maconha, 1.269 kg de cocaína e 20 armas de fogo. No total, 144 pessoas foram detidas por crimes diversos e encaminhadas à polícia judiciária.

Operação Carnaval PRF

A polícia rodoviária federal realiza um levantamento que inclui as operações Natal, Ano Novo e Carnaval. Neste período, os agentes intensificaram a fiscalização e realizaram ações educativas e preventivas, para conscientizar os motoristas sobre a importância do respeito às normas de trânsito. A ideia é reduzir o número de sinistros, mortes e feridos nas rodovias federais.

Mais uma vez, acidentes de veículos crescem este ano. Foto:  Arquivo/Agência BrasilMais uma vez, acidentes de veículos crescem este ano. Foto: Arquivo/Agência Brasil