― Advertisement ―

spot_img

Comissão aprova projeto que abre novo prazo para recadastramento de armas de uso permitido ou restrito

A Comissão de Segurança Pública da Câmara dos Deputados aprovou projeto de lei que abre prazo para o recadastramento, junto à Polícia Federal e...

PREVISÃO DO TEMPO: chuvas intensas continuam em áreas do Nordeste nesta terça-feira (12)

Nesta terça-feira (12), o dia começa com muitas nuvens cobrindo a região Nordeste. Durante a manhã e tarde, a previsão é de pancadas de chuva com trovoadas na Paraíba, Rio Grande do Norte, Ceará; além da região metropolitana de Recife, mata e agreste pernambucanos e leste alagoano. Chuvas intensas acompanhadas de trovões no Maranhão e Piauí, exceto no sul maranhense e sudoeste piauiense. 

Durante a noite, o tempo fechado continua e as chuvas com trovoadas avançam para todo o estado de Pernambuco, Alagoas e Sergipe, incluindo os municípios Bonito (PE), Cabo de Santo Agostinho (PE), Maceió (AL), Arapiraca (AL), Canindé de São Francisco (SE) e Propriá (SE). Pode chover no sul da Bahia. 

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu um alerta importante. Há risco de chuvas intensas, com acumulado de até 50 mm por dia, acompanhadas de ventos fortes. Há risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas. 

Este alerta é válido para:

  • Maranhão;
  • Piauí;
  • Ceará;
  • Alagoas;
  • Sergipe;
  • metropolitana de Recife;
  • agreste, sertão e mata de Pernambuco;
  • metropolitana de Salvador;
  • centro norte, centro sul, nordeste, sul e Vale São-Franciscano da Bahia;
  • agreste e mata da Paraíba;
  • Borborema;
  • agreste, sertão e leste de Alagoas;
  • agreste, sertão e leste de Sergipe;
  • leste do Rio Grande do Norte.

O alerta abrange municípios como: Coelho Neto (MA), Bacabal (MA), Piripiri (PI), Teresina (PI), Horizonte (CE) e Pacajus (CE).

A temperatura mínima fica em torno de 19°C, em Vitória da Conquista, na Bahia, e a máxima prevista é de 38ºC, em Inhapi, em Alagoas. A umidade relativa do ar varia entre 55% e 100%.

As informações são do Instituto Nacional de Meteorologia.

Imagem: Brasil 61Imagem: Brasil 61