― Advertisement ―

spot_img

Copa Richarlison reúne centenas de jovens talentos e observadores de grandes times do Brasil

  Aconteceu no final de semana, a 2ª edição da Copa Richarlison de Futebol de Base. A competição contou com 48 equipes, nas categorias sub...

ES: criminosos roubam carro de motorista de aplicativo, atiram na polícia e fazem família refém

 

Criminosos roubam carro de motorista de aplicativo, atiram na polícia e fazem família refém no Espírito Santo. — Foto: Divulgação

Criminosos roubam carro de motorista de aplicativo, atiram na polícia e fazem família refém no Espírito Santo. — Foto: Divulgação

Quatro homens foram presos na Serra, na Grande Vitória, após uma perseguição que terminou com a invasão de duas casas. A informação é de Daniela Carla, do g1 ES.

Antes, os criminosos renderam um motorista de aplicativo, que conseguiu fazer sinal para um carro da Polícia Militar na noite desta segunda-feira (29).

Segundo o Boletim de Ocorrência (BO), foi dada uma ordem de parada para o veículo, que não foi obedecida pelo motorista e uma perseguição começou percorrendo três bairros até que suspeitos tentaram fugir a pé e invadiram duas casas.

Jamele Silva Alves, de 26 anos, João Victor Martins Domingos, de 20 anos, Leonardo Filipe Zocrato Prata, de 20 anos, e um menor de 17 anos foram detidos.

A ação dos criminosos começou quando eles renderam um motorista de aplicativo em Serra Dourada II. Já com os quatro homens no veículo, o trabalhador, na direção do veículo, colocou a mão para fora da janela e conseguiu chamar a atenção dos policiais que passavam por eles na avenida principal do bairro.

Os militares entenderam que algo de errado estava acontecendo e deram sinal de parada para o veículo. O trabalhador foi impedido pelos homens de parar e uma perseguição com troca de tiros começou.

O motorista foi abandonado pelos criminosos, mas a perseguição continuou até chegarem a Novo Porto Canoa.

Os policiais receberam então a informação do Centro Integrado Operacional de Defesa Social (Ciodes) de que os homens teriam se dividido em uma fuga a pé e invadido duas casas do bairro. Uma delas estava vazia. No local houve luta corporal com os policiais e dois homens foram presos.

Já na outra residência, uma família foi feita refém incluindo adultos e uma criança de 4 anos. Os policiais militares entraram na casa, se depararam com a família. Em um dos quartos também houve luta com os criminosos que acabaram detidos.

A Polícia Civil informou que quatro homens, com idades entre 17 e 26 anos, foram conduzidos à Delegacia Regional de Serra.

O adolescente foi autuado por ato infracional análogo aos crimes de roubo qualificado, tentativa de homicídio qualificada, desobediência, desacato, tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo de uso permitido. Ele foi encaminhado ao Centro Integrado de Atendimento Socioeducativo (Ciase).

Os indivíduos maiores foram autuados em flagrante por roubo qualificado, tentativa de homicídio qualificada, desobediência, desacato, tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo de uso permitido.

Todos foram encaminhados ao Centro de Triagem de Viana (CTV). Também foi cumprido um mandado de prisão em desfavor do indivíduo de 26 anos.