― Advertisement ―

spot_img

Reforma tributária: ressarcimento de crédito vai depender de pagamento do tributo nas etapas anteriores

A apropriação de crédito por uma empresa no novo regime tributário terá como condição o recolhimento dos impostos pelos fornecedores nas etapas anteriores da...

Delegacia de Pinheiros prende suspeitos de matar ex-cunhado por vingança

A Polícia Civil do Espírito Santo (PCES) por meio da Delegacia de Polícia (DP) de Pinheiros, com apoio da Polícia Militar do Espírito Santo (PMES), prendeu, na última terça-feira (21), um suspeito de 27 anos, durante uma operação policial realizada no bairro Vila Nova, em Pinheiros. O suspeito teria matado o ex-cunhado por vingança. O crime aconteceu também em Pinheiros, em março de 2021.

A vítima, Lucivaldo Costa Santiago, de 38 anos, foi morta por disparos de arma de fogo, no dia 20 de março de 2021, na zona rural de Pinheiros. “Logo após o assassinato as investigações foram iniciadas e indicam que o detido foi o autor do crime, e a motivação teria sido vingança. O autor e a vítima tinham desavenças pessoais em decorrência de briga familiar”, afirmou o titular da Delegacia de Polícia (DP) de Pinheiros, delegado Jameson Santos Amaral.

O suspeito foi preso na residência dele, no bairro Vila Nova, e não esboçou reação com a chegada da Polícia. Nada de ilícito foi encontrado durante as buscas realizadas no imóvel.

Na delegacia, o detido negou qualquer envolvimento no crime. “Mesmo com a negativa do acusado, temos elementos probatórios suficientes dentro do inquérito policial para indiciar como autor do crime”, completou o delegado.

Após os procedimentos de praxe, o detido foi encaminhado para o Centro de Detenção Provisória (CDP) de São Domingos do Norte, onde permanece à disposição da Justiça.

Texto: Olga Samara Gomes