― Advertisement ―

spot_img

Ibovespa fecha em queda de 0,3% e começa a terça-feira aos 127,7 pontos

As principais altas foram registradas por Isa Cteep, MRV e Marfrig. IRB e Eletrobras ON  ficaram com as maiores baixas O Ibovespa (índice da bolsa...

Preço da soja em alta

Jovens do CRJ Território do Bem participam de clube de leitura do livro ‘Agridoce’

O Centro de Referência das Juventudes (CRJ) Território do Bem, em Itararé, Vitória, recebe o clube de leitura do livro de crônicas “Agridoce”, da escritora Elaine Dal Gobbo. Lançada em março, no Dia Internacional da Mulher, a obra reúne 22 crônicas sobre o universo feminino. O encontro com a autora tem início às 18h, nesta sexta-feira (17), com entrada gratuita.

O clube de leitura terá duas sessões. Esta primeira terá início com a animação “Vida Maria”, produzida, escrita e dirigida pelo animador gráfico Márcio Ramos. A narrativa mostra como as desigualdades de gênero permanecem de geração em geração. A ideia, segundo a autora, é fomentar nos jovens o debate sobre esse tema, partilhando o que sentiram, relacionando a leitura ao conteúdo do vídeo. Após os debates, a autora, a equipe do CRJ e os jovens vão decidir coletivamente a data da segunda edição do clube.

Publicado com recursos do Fundo de Cultura do Estado do Espírito Santo (Funcultura), por meio do Edital 11/2022 – Produção e Difusão Literária, da Secretaria da Cultura (Secult), “Agridoce” aborda temas duros de se tratar, como violência doméstica, gordofobia, desvalorização do trabalho feminino e os papéis impostos às mulheres na sociedade patriarcal. Entretanto, nem tudo é aspereza. A sororidade, ou seja, a cooperação, o acolhimento entre as mulheres, também estão nas páginas do livro, no qual a autora homenageia algumas mulheres que marcaram a sua vida, como professoras, avós e amigas.

O título “Agridoce”, portanto, deve-se ao fato de a obra abordar não somente as opressões vividas pelas mulheres na sociedade patriarcal, mas também os modos como elas se fortalecem juntas, possibilitando umas às outras boas lembranças e aprendizados. “Costumo dizer que ‘Agridoce’ traz reflexões de uma vida inteira, baseadas em experiências que vivi, nas que presenciei e nos diversos questionamentos que formulava diante disso”, afirma a escritora.

Edição anterior

O clube de leitura já foi realizado no CRJ de São Torquato, em Vila Velha, nos dias 9 e 24 de abril. No primeiro dia foi exibido o filme “Que horas ela volta”, de Anna Muylaert, com Regina Casé como protagonista. O longa conta a história de uma empregada doméstica que, após anos sem ver a filha, a recebe na casa dos patrões, onde mora. O filme trata da falsa acolhida dos patrões, que querem se mostrar cordiais, mas, na verdade, fazem uma grande distinção entre eles, a empregada e sua filha.

A escolha do longa, informa Elaine Dal Gobbo, foi feita junto com educadores do CRJ, pois dialoga com uma das crônicas do livro – “Como se fosse da família” –, que acabou servindo de texto introdutório para a leitura dos demais. De acordo com a autora, a metodologia a ser utilizada em cada clube é elaborada junto com os trabalhadores de cada um dos equipamentos. 

O clube de leitura também será realizado no Centros Municipais de Juventudes de Jardim Carapina e Planalto Serrano, na Serra, e no CRJ de Flexal, em Cariacica, todos com datas ainda a definir.

Serviço:
Clube de leitura do livro “Agridoce”
Quando: 17/05 (sexta-feira)
Horário: a partir das 18h
Local: CRJ de Itararé, Rua Daniel Abreu Machado, Itararé, Vitória
Telefone: (27) 99900-6092