― Advertisement ―

spot_img

Ibovespa fecha em queda de 0,58% e começa a quarta-feira aos 123,7 pontos

  O Ibovespa (índice da bolsa de valores brasileira) caiu 0,58% e fechou a terça-feira(28) a 123,7 mil pontos. A alta da inflação de consumo...

Funcultura: palestra aborda a fotografia do século XIX feita no Espírito Santo

Na próxima terça-feira (09), será realizada a palestra “Carte de Visite: Origens da Fotografia no Espírito Santo”, das 18h às 20h30, na Sala Multimídia Nazian Azevedo de Moraes, localizada na Biblioteca Central da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), campus de Goiabeiras, em Vitória.

Ministrada pelo fotógrafo, professor e pesquisador Paulo de Barros, a atividade é a primeira de um ciclo de palestras e oficinas que integram o projeto “A fotografia do século XIX no Espírito Santo: digitalização do acervo de carte de viste do Museu Solar Monjardim”, contemplado pelo Edital 06/2022 – Patrimônio Cultural, da Secretaria da Cultura (Secult).

Realizado com recursos do Fundo de Cultura do Estado do Espírito Santo (Funcultura), o projeto efetivou a digitalização de mais de 200 fotografias no formato carte de visite (cartão de visita), produzidas entre as décadas de 1860 e 1890 por alguns dos primeiros fotógrafos que se estabeleceram no estado e, também, fotógrafos de atuações em outras capitais e estrangeiros.

O objetivo da palestra é aproximar o público do início da história da fotografia no Espírito Santo, a partir dessas imagens. No encontro, o público poderá conhecer as formas de produção fotográfica naquele século, suas práticas, materiais e técnicas que resultavam em imagens de variadas cores, superfícies e formas de apresentação.

De acordo com Paulo de Barros, a ideia é expor como as formas de produção de uma imagem fotográfica se constituem um patrimônio histórico e tecnológico de uma sociedade e um testemunho do desenvolvimento estético da fotografia no Estado do Espírito Santo. “A palestra também ilustra o papel do formato carte de visite, que permitiu a democratização e a popularização do retrato fotográfico”, afirma.

O projeto

Realizado nas dependências do Museu Solar Monjardim, o projeto abrange – além da digitalização dos cartes de visite – ações para aperfeiçoar as informações do acervo e sua conservação, como foco na higienização, identificação dos processos fotográficos, transcrição das inscrições e mensagens, acondicionamento, entre outros.

O conjunto de fotografias no formato carte de visite é um dos maiores acervos de imagens fotográficas do século XIX do Espírito Santo e tem em seus conteúdos temáticas diretamente ligadas à história e à identidade cultural do Estado, bem como da história da fotografia local, nacional e mundial.

Raridade na história da fotografia do Espírito Santo, esse acervo fotográfico se consolida como um dos principais documentos iconográficos do século XIX, seja pelo número de imagens que contém, seja pelo fato de que são poucas as instituições locais que têm acervos fotográficos do período oitocentista. A isso, soma-se a constatação de que foram poucos os fotógrafos que deixaram registros significativos sobre o Espírito Santo, tanto no século XIX como no início do século XX.

O projeto desenvolveu um plano de digitalização que permite ampliar o acesso às informações das imagens evitando a manipulação excessiva dos originais fotográficos e permitindo, ainda, a facilidade na consulta e na pesquisa da coleção, a melhora da qualidade da imagem em relação aos originais analógicos e a ampliação da difusão das imagens permitindo sua divulgação em redes e a realização de impressões de alta qualidade para livros e exposições.

Serviço:

Palestra “Carte de Visite: Origens da Fotografia no Espírito Santo”
Com Paulo de Barros
Quando: 09/04 (terça-feira)
Horário: das 18h às 20h30
Local: Sala Multimídia Nazian Azevedo de Moraes, Biblioteca Central da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), Av. Fernando Ferrari, 514, Goiabeiras, Vitória
Entrada gratuita