― Advertisement ―

spot_img

Carreata de São Cristóvão é acompanhada por grande número de fiéis em Nova Venécia

Aconteceu no último sábado (20), a tradicional carreata em homenagem a São Cristóvão, com saída em frente à comunidade Ascensão. O evento é realizado para...

Mulher mata homem a facada após tentativa de estupro em São Domingos do Norte

 

Um homem que não teve o nome e nem a idade divulgados, foi morto com uma facada no pescoço na noite desta segunda-feira (8), em uma propriedade rural na região de Patrimônio de São José do Honorato, zona rural de São Domingos do Norte, no Noroeste do Espírito Santo. A informação é do repórter Wilson Rodrigues.

O corpo só foi encontrado na manhã desta teça-feira (9), após a suspeita contar do caso ao próprio pai. A suspeita é uma mulher de 26 anos, que não foi encontrada, mas alegou ter sido vítima de uma suposta tentativa de estupro por parte do homem, o que teria motivado o crime.

Segundo a Polícia Militar, uma equipe foi acionada e  ao chegarem no local, os policiais foram informados que uma mulher tirou a vida do homem, por volta das 18h do dia anterior, após este tentar estuprá-la. Ele estaria em posse de uma faca, mas a mulher conseguiu tomar o objeto e golpeou o homem no pescoço.

“Diante das informações, as equipes foram ao local indicado e localizaram o dono da propriedade, além do pai da mulher, que também era funcionário do local. O genitor da suspeita relatou que na manhã desta terça-feira (09), a filha, de 26 anos, contou que um homem estava lhe agredindo ou, possivelmente, tentando estuprá-la, segundo relato do indivíduo. O fato motivou que a mulher pegasse o facão que o suspeito portava e ela desferiu um golpe no pescoço dele. Após contar o ocorrido ao pai, a mulher teria fugido do local em uma moto”, detalhou a Polícia Militar.

Ainda segundo a PM, os militares foram levados ao local onde estava o homem, sendo constatado um corte profundo no pescoço. O corpo estava localizado a alguns metros de dois alojamentos, em uma estrada de chão sem saída que dá acesso ao cafezal. A Perícia foi acionada. O genitor da mulher disse que a filha morava em um desses alojamentos e o homem no outro, mas desde que a companheira da mulher saiu do alojamento, ela dormia na casa dos pais, próximo a estrada principal, que fica aproximadamente de dois a três quilômetros dos alojamentos. Buscas foram realizadas, mas a mulher não foi localizada.

A Polícia Civil informou que ocorrência está em andamento. “O corpo da vítima fatal será encaminhado ao Serviço Médico Legal (SML) de Colatina onde passará pelo processo de necropsia e, posteriormente, será liberado para os familiares. Somente após a conclusão das diligências em andamento, teremos mais informações sobre o caso e possíveis detenções”, informou a corporação.