― Advertisement ―

spot_img

Ibovespa recua 0,82% e está cotado aos 124.615 pontos

O índice da bolsa de valores brasileira (Ibovespa) começou as negociações desta sexta-feira (24) cotado aos 124.615 pontos. O patamar foi registrado após queda...

‘Influência do Glifosato na Expressão de Genes do Cafeeiro’ é tema de novo vídeo disponível no canal do Incaper no YouTube

Os estudos realizados pela Rede Inova Café desenvolvem metodologias para o maior controle de plantas daninhas no cafeeiro, além de entender o metabolismo que ocorre nas plantas.

Está disponível o terceiro vídeo produzido pelo projeto Rede Inova Café. O novo conteúdo, publicado no canal do Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper) no YouTube, traz dados da pesquisa realizada sobre a influência do uso de glifosato na expressão de genes do cafeeiro.

O glifosato é o principal herbicida utilizado para o manejo de plantas daninhas na cafeicultura. 

O vídeo é apresentado pela professora da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) – Campus Alegre, Tais Soares, responsável pela coordenação dos estudos do tema na Universidade. Assista aqui

Ao todo, oito vídeos serão publicados com resultados do projeto da Rede Inova Café. Sempre que um conteúdo novo for publicado será divulgado nas redes sociais e no site oficial do Incaper.

Criada pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (Seag), a Rede Inova Café é coordenada pelo Incaper e composta pela Ufes e Universidade de Vila Velha (UVV) e pesquisadores da Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (Uenf). Atualmente, a Rede é formada por nove projetos de pesquisa que somam 53 pesquisadores envolvidos. 

A Rede Inova Café é um projeto que tem como objetivo promover a qualidade e produtividade dos cafés capixabas de maneira progressiva e duradoura, além do aprimoramento do controle da qualidade do fruto. Como forma de divulgar os resultados obtidos, o projeto produziu uma série de vídeos, que abordam temas estabelecidos desde a concepção da Rede, apresentados pelos pesquisadores.