― Advertisement ―

spot_img

Atualização cadastral de rebanhos começa nesta quarta-feira (1º)

Entre os dias 1º de maio e 30 de junho, os produtores rurais do Espírito Santo deverão fazer a atualização cadastral de rebanhos, que inclui bovinos, bubalinos, caprinos, ovinos, equinos, asininos, muares, suínos e aves de subsistência, animais aquáticos e abelhas.

O procedimento é obrigatório e gratuito, devendo ser feito pelo Siapec: https://idaf.es.gov.br/siapec.

Os produtores que ainda não têm login e senha no Siapec devem procurar a unidade do Idaf em seu município, levando documentação pessoal, e, no local, preencher formulário específico.

O diretor-geral do Idaf, Leonardo Cunha Monteiro, convoca todos os criadores de animais para que façam o procedimento. “Estamos progredindo para o reconhecimento internacional quanto ao status de livre de febre aftosa sem vacinação. O Estado e o setor produtivo precisam caminhar juntos nessa direção”, pontuou Monteiro.

O gerente de Defesa Sanitária e Inspeção Animal do Idaf, Raoni Cipriano, explica que a atualização cadastral substitui as etapas de vacinação contra febre aftosa e intensifica o controle e a prevenção de doenças. “O Espírito Santo deve desenvolver ações que fortaleçam seu sistema de vigilância para manter o Estado livre de enfermidades, cumprindo os compromissos do Plano Estratégico do Programa Nacional de Vigilância para a Febre Aftosa (PNEFA) e possibilitando a ampliação dos mercados para os produtos capixabas”, disse Cipriano.

Em caso de não atualização cadastral dentro do prazo, a propriedade será considerada inadimplente e impedida de emitir a Guia de Trânsito Animal (GTA).

Para mais informações, acesse: https://idaf.es.gov.br/atualizacao-cadastral-de-rebanho.

 

Texto: Francine Castro