― Advertisement ―

spot_img

Secretaria de Saúde começa a vacinar crianças de 10 a 14 anos contra a dengue nesta quinta-feira

A Prefeitura de Barra de São Francisco, por meio da Secretaria de Saúde, realizará na quinta e sexta-feira, dias 25 e 26, a vacinação...

Dengue: Espírito Santo decreta estado de emergência devido ao aumento de casos; 2 mortes já foram confirmadas

 

Mosquito Aedes aegypti, transmissor das doenças dengue, zika e chikungunya — Foto: Divulgação/Governo ES

Mosquito Aedes aegypti, transmissor das doenças dengue, zika e chikungunya — Foto: Divulgação/Governo ES

Por causa do aumento do número de casos de dengue nas últimas semanas, o governo do Espírito Santo decretou estado de emergência em saúde nesta quarta-feira (21). O anúncio foi feito pelo governador Renato Casagrande, durante abertura da reunião de Acompanhamento da Situação da Dengue no Estado. O encontro teve a participação de vários prefeitos.

Desde 1º de janeiro até o último dia 10 de fevereiro (último dado disponibilizado pela Secretaria Estadual de Saúde), foram registrados 19.088 notificações da doença em todo o estado. Na primeira semana do ano, foram 1.354 notificações. Na última sexta semana, subiram para 6.068. O aumento foi de 348%, ou seja, aumento de mais de 4 vezes nas notificações semanais registradas.

Ainda segundo o governador, além dos dois óbitos já confirmados em 2024, outras 11 mortes estão em investigação em território capixaba, por suspeita de terem sido causadas pela dengue.

O governador pontuou que, nas primeiras semanas de janeiro, os casos se mostravam mais contidos do que em 2023, mas houve uma escalada rápida no número de confirmações, que exige maior agilidade na tomada de decisões.

Notificações de casos de dengue por semana no ES

Período Notificações
31/12/2023 – 06/01/2024 1.354
07/01/2024 – 13/01/2024 1.873
14/01/2024 – 20/01/2024 2.466
21/01/2024 – 27/01/2024 2.995
28/01/2024 – 03/02/2024 4.332
04/02/2024 – 10/02/2024 6.068
Total 19.088

Fonte: Sesa (Secretaria Estadual de Saúde) deslize para ver o conteúdo

“Com base na realidade nacional, regional dos Estados e vizinhos, e o aumento dos casos de dengue nos últimos dias, nós tomamos a decisão de decretar situação de emergência. Nós conversamos com a Defesa Civil, com a Secretaria de Saúde, e vamos decretar hoje situação de emergência para facilitar a nossa ação de aquisição de materiais, facilitar nossa ação em repasse de recursos quando necessário, facilitar e flexibilizar a nossa ação e dar ao município essa possibilidade de tomar medidas de forma mais flexível. O decreto permite que a gente tenha mais agilidade e também que a gente passe para a sociedade a gravidade da situação que a gente está vivendo”, declarou o chefe do Executivo estadual.

'Renato Casagrande, governador no ES — Foto: Reprodução TV Gazeta

‘Renato Casagrande, governador no ES — Foto: Reprodução TV Gazeta

Uma mulher de 56 anos, identificada como Elisceia Cardoso da Silva, morreu com o diagnóstico de dengue em Linhares, no Norte do Espírito Santo. O caso foi confirmado nesta terça-feira (20) pela Vigilância Epidemiológica do município e é a segunda morte registrada no Estado pela doença em 2024.

A vítima tinha comorbidades, era moradora do bairro Lagoa do Meio e veio a óbito no dia 7 de fevereiro. O caso estava sob investigação.

Além da morte de Elisceia, outros dois óbitos estão em investigação no município de Linhares. Segundo a Secretaria de Saúde da cidade, as vítimas são uma mulher de 75 anos e um homem de 93 anos. Os dois foram a óbito no mês de fevereiro.

A primeira morte por dengue no Espírito Santo foi divulgada na última quinta-feira (15). A vítima era do município de Laranja da Terra, na Região Serrana capixaba. Segundo a prefeitura da cidade, trata-se de uma criança portadora de comorbidade neurológica grave desde o nascimento, cujo quadro de saúde foi agravado pela dengue, levando-o a óbito no dia 2 de fevereiro.