Xi destaca estudo da história do Partido Comunista que se prepara para comemorar centenário de fundação


A direção do Parttido Comunista da China realizou uma reunião no último sábado para preparar as comemorações do centenário de sua fundação.  O presidente Xi Jinping, que também é o líder máximo do partido, pronunciou um importante discurso em uma reunião- para lançar uma campanha sobre o estudo da história do Partido entre todos os seus membros.

Classificando a campanha como uma importante decisão tomada pelo Comitê Central do PCC, Xi pediu esforços de todos os membros para que estudem a história do Partido, compreendam suas teorias, façam um trabalho prático e obtenham novos avanços, assim para embarcar em uma nova viagem com grande espírito para construir plenamente uma China socialista moderna e dar as boas-vindas ao centenário do Partido com êxitos sobressalentes, informa a Xinhua.

Xi disse que o PCC sempre dá grande importância à aprendizagem e educação de sua história, destacando a necessidade vital de lançar a campanha já que o Partido se encontra em um momento crítico em que convergem os calendários de seus dois objetivos centenários.

Xi pediu que os comitês de todos os níveis do Partido implementem seriamente os arranjos feitos pelo Comitê Central do PCCh sobre a campanha.

“A história do nosso Partido é uma história de adaptação contínua do Marxismo ao contexto chinês”, disse Xi.

Ele pediu educação e orientação de todo o Partido para que aprenda com seu passado “extraordinário”, a fim de entender como o Marxismo mudou profundamente a China e o mundo.

Xi também pediu esforços para equipar todo o Partido com os últimos êxitos em sua inovação teórica e para utilizar as teorias para guiar sua prática e avançar em seu trabalho.

Ao longo dos seus 100 anos de história, o PCCh sempre teve a mesma mentalidade que o povo, respirou o mesmo fôlego que o povo e compartilhou tristezas e alegrias com o povo, lembrou Xi.

Com a confiança e o apoio do povo, o PCCh é invencível ante qualquer obstáculo, garantiu Xi, acrescentando que é dever do Partido cimentar a unidade de 1,4 bilhão de chineses para criar uma força irreversível que impulsione a grande revitalização da nação chinesa.

Xi Jinping

Xi Jinping (Foto: Xinhua)

Leia mais

Leia também