Moradores de Nova Venécia quitam contas de família que seria despejada

» A dona de casa, Almerinda Santos, está celebrando a contribuição da população para que ela e a família não sejam mais despejados

O veneciano mostrou mais uma vez que é solidário e arcou com as contas atrasadas na residência do casal Almerinda dos Santos, 40 anos, e Geone Verli, 35. Após a divulgação pela Rede Notícia, os talões de energia e água do casal foram quitados por moradores de Nova Venécia, e venecianos que residem fora do município. “Um rapaz chegou em minha casa e disse que queria pagar os últimos três talões que sobraram e ainda trouxe uma compra de mantimentos bastante generosa. Não vou negar que faltava comida, agora as crianças já têm leite e muita coisa para se alimentar”, disse Almerinda.

A dona de casa ainda revela que outra moradora da cidade também fez uma compra para ela, mas que preferiu também não se identificar. “Eu só tenho a agradecer a Rede Notícia e todos que me ajudaram. Aqueles que não puderam ajudar, mas que torceram por nós, também agradeço, estou muito feliz, agora não seremos despejados”, anunciou Almerinda.

No momento em que a equipe de reportagem ligou para a dona de casa, ela estava se dirigindo à Secretaria Municipal de Ação Social, para apresentar as contas quitadas. “Muita gente depositou dinheiro, outros estiveram em minha casa e pegaram talão para pagar. É com imensa gratidão que agradeço a casa um, não iremos precisar sair de casa mais”, disse Almerinda, emocionada.

Na última quinta-feira (25), A Notícia divulgou o drama que estava vivendo a família, correndo risco de ser despeja até o último dia 28, por não ter as contas de luz e energia quitadas, em cerca de sete meses de atrasos. As contas quitadas são pré-requisito para permanecer no Aluguel Social, programa que a família faz parte.

Além do casal, mais cinco crianças, sendo uma de um mês de idade, duas de um ano, outra de cinco anos e uma de 10 anos, além de um adolescente de 14 anos, moram na casa. Duas delas são netas do casal, que ainda tem mais um filho de 22 anos, que mora na casa, e a nora. Todos estão desempregados, inclusive o Geone, marido de Almerinda, que já havia tentado o suicídio.


Leia mais

Leia também