Unidades de conservação superam número de visitantes em 2021

Compartilhe

Evidenciando o crescimento do ecoturismo no país, as 145 unidades de conservação federais, administradas pelo ICMBio (Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade), contabilizaram 16,7 milhões de visitas em 2021. O número é o maior registrado em pelo menos cinco anos, superando o cenário pré-pandemia de Covid-19 – em 2017, quando foram registradas 10,7 milhões de visitantes.

Assim como em 2020, a Área de Proteção Ambiental da Baleia Franca, em Santa Catarina, liderou o ranking das unidades de conservação mais visitadas, com mais de sete milhões de registros. O território inclui, por exemplo, as praias dos municípios de Palhoça, Garopaba, Imbituba e Laguna, no litoral sul catarinense. O destino oferece ainda uma experiência única de admirar, por terra, as baleias que passam pelo local.

Em segundo lugar está o Parque Nacional da Tijuca, no Rio de Janeiro, com 1,7 milhão de visitas, que abriga uma das Sete Maravilhas do Mundo Moderno: o Cristo Redentor. É palco da Trilha Transcarioca, pioneira da Rede Nacional de Trilhas de Longo Curso no país, que compreende em seu percurso pontos como o Pão de Açúcar e a Lagoa Rodrigo de Freitas, que cruza o Rio de Janeiro, saindo da Barra de Guaratiba e chegando ao Morro da Urca.

Já na terceira posição, o Parque Nacional de Jericoacoara, no Ceará, com quase 1,7 milhão de visitas. O local abriga a Pedra Furada, formação rochosa considerada ícone de Jericoacoara – atração imperdível para quem passa pela região. O parque foi uma das quatro unidades de conservação que contou com estudos financiados pelo Governo Federal para a realização de concessão à iniciativa privada, o que deve levar mais investimentos às unidades e impulsionar o ecoturismo.

Confira a lista das 10 unidades de conservação mais visitadas do Brasil:

1º Área de Proteção Ambiental da Baleia Franca – 7.042.228

2º Parque Nacional da Tijuca – 1.739.666

3º Parque Nacional de Jericoacoara – 1.669.277

4º Parque Nacional da Serra da Bocaina – 718.453

5º Parque Nacional do Iguaçu – 696.380

6º Reserva Extrativista Marinha do Arraial do Cabo – 653.857

7º Área de Proteção Ambiental de Fernando de Noronha – 559.638

8º Parque Nacional Marinho de Fernando de Noronha – 532.988

9º Monumento Natural do Rio São Francisco – 471.705

10º Área de Proteção Ambiental Costa dos Corais – 334.437

Os dados incluem unidades de conservação com visitação monitorada, como parques nacionais (PARNA); Áreas de Proteção Ambiental (APA); Florestas Nacionais (FLONA); Reservas Extrativistas (RESEX); e Monumentos Naturais (MONA).

ECOTURISMO 

Antes da pandemia de Covid-19, o Turismo de Natureza vinha registrando crescente interesse dos turistas. Em 2019, as Unidades de Conservação federais registraram 15,3 milhões de visitas, um aumento de 24% em relação ao ano anterior, 2018 (12,4 milhões). Já em 2020, mesmo com o fechamento das unidades por seis meses, receberam um número significativo de visitantes: 9,3 milhões, com um crescimento contínuo de visitação até dezembro.

A pesquisa PNAD Contínua Turismo analisou 21,4 milhões de viagens realizadas nos domicílios brasileiros em 2019, sendo que 86,5% ocorreram por motivos pessoais e 13,5% por motivos profissionais. Das viagens por motivo pessoal, 31,5% estavam em busca de lazer e, dentro deste universo, 25,6% tiveram como finalidade o ecoturismo e viagens de aventura, representando 1,5 milhão de turistas ou 7% do total. Já em 2020, o ecoturismo foi motivo de viagem para 18,6% dos turistas internacionais que chegaram ao Brasil.

Unidades de conservação superam número de visitantes em 2021

Entre os parques nacionais, o da Tijuca, no Rio de Janeiro, recebeu o maior volume de visitas em 2021. Foto: Luciola Vilela/MTur

Leia também

Com show de organização, fase regional dos JEES em Barra de São Francisco terminou na tarde deste sábado

Seleção de Futsal Feminino Infantil de Barra de São Francisco está na fase final dos JEES Com show de...

Estabelecimento comercial é furtado no interior de Nova Venécia

Um estabelecimento comercial foi furtado na madrugada desta terça-feira, dia 17, no Córrego da Penha, zona rural de...

Boa Esperança no combate ao abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes

  A Prefeitura de Boa Esperança, por meio da Secretaria de Assistência Social e Cidadania, em parceria com as...

Barra de São Francisco vence Nova Venécia no Handebol masculino juvenil

A Sesport do Espírito Santo está dando show de organização dos jogos escolares regionais em Barra de São...

Mutirão em Barra de São Francisco para Inscrições nos cursos do Qualificar ES

Os moradores de Barra de São Francisco têm até este sábado, 21, para realizar as inscrições em cursos...

JEES 2022: Ecoporanga vai a Guarapari representar a região

A equipe de Ecoporanga venceu todas as modalidades no Handebol em Barra de São Francisco, nos Jorgos Escolares...

Restaurantes Universitários (RUs) voltam a funcionar na Ufes

  Restaurante Universitário (RU) da Ufes — Foto: Ufes/Divulgação Após quase duas semanas fechados, os Restaurantes Universitários (RUs) de Goiabeiras,...

Dia da Vitória: Defesa ressalta participação do Brasil na 2ª Guerra

O Ministério da Defesa celebrou hoje (18), em cerimônia realizada no Rio de Janeiro, o Dia da Vitória...