Ufes doa antissépticos a base de álcool 70% a empresas; veja como se cadastrar e receber

Doação é destinada a instituições públicas do Sistema Único de Saúde (SUS) e a empresas públicas com sede no Estado do Espírito Santo que atendam a pessoas em situação de vulnerabilidade social.

Antissépticos produzidos pela Ufes são doados a empresas, no ES — Foto: Divulgação/ Ufes

A Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) está doando antissépticos a base de álcool 70% a instituições públicas do Sistema Único de Saúde (SUS) e a empresas públicas com sede no Estado do Espírito Santo que atendam a pessoas em situação de vulnerabilidade social.

O produto é produzido nos laboratórios dos departamentos de Ciências Farmacêuticas, Ciências Fisiológicas e Morfologia da Universidade e doado através do Projeto de Extensão Antissépticos.

A substância é uma das mais recomendados pelas autoridades sanitárias para a prevenção da Covid-19 por meio da higienização das mãos.

As empresas interessadas em receber os antissépticos deverão preencher um formulário e encaminhá-lo para o e-mail antissepticosufes@gmail.com. Os requerimentos serão avaliados pela Comissão de Processamentos das Doações.

“Este projeto foi pensado com o objetivo de atender uma demanda urgente de alguns setores da sociedade na aquisição de antissépticos a base de álcool, gel e glicerinado, para prevenir a proliferação do coronavírus. Além disso, os preços desses produtos estão elevados, o que dificulta a aquisição por parte das pessoas de baixa renda”, explica o diretor de Gestão de Extensão e participante do projeto, professor Athelson Bittencourt.

Além de atender à população do estado, os antissépticos também são distribuídos ao Hospital Universitário Cassiano Antonio Moraes (Hucam-Ufes), ao Instituto de Odontologia da Ufes (Ioufes) e à comunidade universitária.

A equipe responsável pela produção é formada por professores, pesquisadores, técnicos e estudantes de diversos departamentos da Universidade e coordenada pelo professor do Departamento de Ciências Fisiológicas Alexandre Santos, com o apoio da Pró-Reitoria de Extensão (Proex).

 

Leia mais

Leia também