TVE exibe documentários de moradores da Estrada de Ferro Vitória a Minas

Compartilhe

Em parceira com a Instituto Marlin Azul (IMA), a TVE-ES vai exibir a partir desta sexta-feira (25), o Projeto Curta Vitória Minas, com filmes de curta-metragem, entre ficção e documentários, que foram produzidos por moradores de cidades onde estão localizadas estações ao longo de toda a extensão da Estrada de Ferro Vitória a Minas. A TVE-ES vai exibir os 15 filmes, sendo um inédito a cada semana sempre às sextas-feiras, às 13h15, com reprise aos domingos, às 15h30.

Além do Instituto Marlin Azul (IMA), o projeto foi elaborado em parceria com a Fundação Vale e a Lab. Muy Arte y Cultura Digital. Os filmes buscam promover a inclusão social e o desenvolvimento do cidadão por meio da reflexão e difusão do conhecimento, ampliar o acesso da população à cultura e preservar o patrimônio cultural brasileiro.

As obras foram gravadas ao longo da ferrovia, em Fundão, Ibiraçu, João Neiva, Colatina e Baixo Guandu, no Espírito Santo; e Aimorés, Resplendor, Conselheiro Pena, Tumiritinga, Governador Valadares, Periquito, Belo Oriente, Antônio Dias, Santana do Paraíso e Nova Era, em Minas Gerais.

Com roteiro, produção e direção dos moradores que passaram por um processo de seleção aplicado pelo Instituto Marlin Azul, os curtas-metragens trazem a memória, os costumes, os hábitos, as lendas e as peculiaridades destas cidades, registrando o imaginário e a identidade geográfica, ambiental e cultural de cada município.

Para o diretor da TVE-ES, Hugo Reis, essa é mais uma parceira importante com o IMA, trazendo para a televisão pública um conteúdo audiovisual de qualidade. “O projeto Curta Vitória a Minas tem uma atuação importante na área de formação audiovisual ao facilitar o acesso à produção. E o desdobramento direto disso é a formação de um público interessado na memória, nos costumes e hábitos de nosso povo, o que vai totalmente ao encontro de nosso papel como emissora pública”, afirmou.

A coordenadora do Instituto Marlin Azul, Beatriz Lindenberg, anunciou que ainda este semestre deve começar um novo processo de seleção para escolher mais produções que serão gravadas. “A parceria com a TVE abre um espaço valioso de difusão e valorização das obras e esquenta os motores para o lançamento da segunda edição do Projeto Curta Vitória a Minas que possibilitará aos moradores de cidades localizadas no entorno da ferrovia a oportunidade de contar novas histórias e transformá-las em filmes. A previsão é lançar a nova edição do projeto ainda este semestre”, destacou.

Leia também

Reajuste para servidor e agrado a policiais vão exigir bloqueio de R$ 15 bi

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - O governo precisa bloquear cerca de R$ 15 bilhões no Orçamento deste ano para...

MERCOSUL: Comissão do Congresso aprova acordo sobre facilitação do comércio

A Comissão da Representação Brasileira no Parlamento do Mercosul (Parlasul) aprovou, nesta terça-feira (17), o texto do Acordo...

Fora da Globo, Michelle Barros fará conteúdo nas redes

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - "Eu já não estava feliz", diz ao F5 a jornalista Michelle Barros, 42,...

VOO SIMPLES: Aprovada volta da gratuidade de bagagens até 23kg nos aeroportos

O Senado aprovou, nesta terça-feira (17), a medida provisória do Voo Simples (MP 1.089/2021). A MP altera o...

Moradores registram frio e geadas nesta quinta no Espírito Santo

A frente fria ocasionada pela massa de ar polar que passa pelo Espírito Santo derrubou as temperaturas em...

Em meio à crise, Flamengo encara Goiás neste sábado pelo Brasileiro

Após uma semana turbulenta, o Flamengo recebe o Goiás na tarde deste sábado (21) no Maracanã, pela sétima...