Trump avisou militares sobre “protesto selvagem” três dias antes da invasão do Capitólio


Três dias antes da invasão do Capitólio, em 6 de janeiro, Donald Trump perguntou ao chefe do Estado-Maior Conjunto, general Mark Milley, e ao secretário interino de Defesa, Christopher Miller, se eles estavam preparados para o evento, que, segundo o republicano, seria um “protesto selvagem”. 

“Vai ser algo grande. Vocês estão preparados para isso, certo?”, perguntou Trump aos generais, relatou de Milley, segundo o livro ‘I Alone Can Fix It‘ (“Só eu posso consertar isso: o catastrófico ano final de Donald J. Trump”), dos jornalistas do Washington Post Carol Leonnig e Philip Rucker.

Leonnig e Rucker contam ainda que o Milley, apontado como uma voz moderadora nas Forças Armadas dos EUA, via Trump como um líder autoritário clássico. Segundo o militar, o líder da extrema-direita queria utilizar o discurso de fraude eleitoral para tornar a invasão do Capitólio um “momento Reichstag”. 

Ao comentar as revelações, Trump rejeitou as acusações de Milley e disse que “se fosse dar um golpe, não seria com Milley”.


Leia mais

Leia também