Trombose tem “relação” com dose da AstraZeneca, diz agência


Existe uma relação entre a vacina da AstraZeneca e coágulos sanguíneos registrados em algumas pessoas que se beneficiaram da dose do imunizante. A informação foi dada por Marco Cavaleri, chefe da estratégia de vacinação da Agência Europeia de Medicamentos, numa entrevista publicada na imprensa italiana nesta terça-feira. A informação é do jornalista Jamil Chade, em sua coluna no portal UOL. 

Segundo o jornalista, a agência havia liberado em março o uso da vacina, mas indicava que novos estudos deveriam ser realizados.

“Agora podemos dizer, é claro que existe uma ligação com a vacina”, disse Cavaleri ao jornal Il Messagero. Ele deixou claro que ainda não sabe o motivo dessa relação. A agência se reúne a partir de hoje para debater a situação das vacinas.

“O que causa essa reação, no entanto, ainda não sabemos”, disse.

De acordo com a OMS, a vacinação contra a covid-19 “não reduzirá doenças ou mortes por outras causas”. “Sabe-se que os eventos tromboembólicos ocorrem com frequência. O tromboembolismo venoso é a terceira doença cardiovascular mais comum em todo o mundo”, explicou.

 

(Foto: REUTERS/Dado Ruvic)

Leia mais

Leia também