TCU dá aval para continuidade de leilões de linhas de transmissão de energia

O Tribunal de Contas da União (TCU) não encontrou irregularidades que impossibilitem o processo de concessão de 1.958 km de linhas de transmissão de energia elétrica em nove estados, localizados nas cinco regiões do país.

Por meio de um leilão, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) prevê desestatizar 11 lotes de transmissão de energia. Estão previstas obras no Amazonas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e São Paulo. 

Sem alterações, senadores concluem votação do novo marco legal que prevê portabilidade da conta de luz

Apesar de não ter constatado irregularidades que impeçam o prosseguimento do processo de concessão, o TCU comunicou a Aneel sobre algumas falhas verificadas pela sua auditoria, como por exemplo a realização de pesquisas de mercado deficientes, com poucos fornecedores ou desatualizadas. Além disso, a Corte recomendou a agência que escute outras entidades, como o Ministério de Minas e Energia, para prosseguir os leilões de transmissão. 

Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

Leia mais

Leia também