Suspeito de esfaquear vizinho por causa de som alto é preso em Vitória

Crime ocorreu em junho, no bairro Inhanguetá. Segundo a polícia, ele confessou o crime, mas afirmou que agiu em legítima defesa.

Um homem de 30 anos, investigado por esfaquear um vizinho durante uma briga, no bairro Inhanguentá, em Vitória, foi preso nesta quinta-feira (6). O crime aconteceu no dia 19 de junho deste ano e a discussão teria acontecido por causa de som alto.

De acordo com a Polícia Civil, a equipe da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) cumpriu um mandado de prisão temporária contra o suspeito. Ele foi preso em casa.

“O detido é investigado por ter desferido vários golpes de faca contra o vizinho de 35 anos, durante uma discussão motivada por um som alto. Após o crime, a vítima chegou a ser socorrida e ficou internada por algum tempo. Somente após sair do hospital, ela foi até a delegacia e denunciou o crime”, explicou o titular da DHPP de Vitória, delegado Marcelo Cavalcanti.

O suspeito foi conduzido para a delegacia onde confessou o crime em interrogatório, mas afirmou que agiu em legítima defesa.

Ele foi autuado pelo crime de tentativa de homicídio qualificado e encaminhado ao Centro de Triagem de Viana (CTV), onde permanece à disposição da Justiça.

Leia mais

Governo dá início à Operação Verde Brasil 2

Objetivo é combater crimes ambientais e focos de incêndio na Amazônia Legal – Foto: ...

Brasil: delegado se nega a usar máscara e saca arma para fazer ameaças

Um delegado da Polícia Civil foi preso na...

Comitê Olímpico agradece apoio do governo durante a pandemia

COB reconhece e valoriza o empenho da Secretaria Especial do Esporte e do Governo Federal Foto: Banco de Imagens O Comitê Olímpico do Brasil (COB),...

Leia também

Rio de Janeiro lidera registros de denúncias de violência contra a mulher no país

O Dia Internacional pela Eliminação da Violência contra as Mulheres, definido em 1999 pela Organização das Nações Unidas (ONU), ainda é uma meta a...

Mais de 800 garrafas de vinho são apreendidas em operação que investiga sonegação de R$ 60 milhões no Espírito Santo

Atacadistas que fornecem bebidas para uma rede varejista com lojas em Vila Velha e Vitória simulavam vendas para outro estado para não recolher impostos. Mais...

ES: carro cai em matagal após perseguição e troca de tiros

Um carro Kia Sportage prata capotou e caiu em um matagal no bairro Serra Dourada III, na Serra, após uma perseguição e troca de...

Eleitor pode denunciar irregularidades de campanha por meio de aplicativo

O eleitor pode denunciar, por meio do aplicativo Pardal, irregularidades encontradas durante a campanha. Com ele, a população ajuda no trabalho de apuração, por...