Sobe para 18 o número de mortes em razão da chuva que castigou o Rio de Janeiro

Compartilhe

Foto: Reprodução/Internet
Foto: Reprodução/Internet

RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) – Subiu para 18 o número de pessoas mortas em razão das fortes chuvas que castigaram o estado do Rio de Janeiro a partir de quinta-feira (31). Dois corpos foram encontrados na madrugada desta segunda-feira (4) em Angra do Reis (a 156 km do Rio), no bairro Monsuaba, uma das regiões mais afetadas pelo temporal.

Ao menos seis casas foram atingidas por deslizamentos de terra, deixando pelo menos dez mortos, sendo quatro crianças e quatro adultos. Ainda não foi divulgado se as novas vítimas são adultos ou crianças.

Choveu em 48 horas o equivalente a 655 milímetros no continente, e a 592 milímetros em Ilha Grande. Segundo a prefeitura, são índices jamais registrados antes.

A Ilha Grande, que pertence a Angra, também foi castigada pelas chuvas. No local, as comunidades mais afetadas foram as de Araçatiba, Vermelha, Provetá, Abraão e Aventureiro.

Todas registraram deslizamentos de terra e blocos de pedra, diz a prefeitura. A Praia de Itaguaçu, ao lado da Praia Vermelha, foi praticamente soterrada. De acordo com relatos de moradores da região, quatro pessoas estão desaparecidas.

Segundo a Prefeitura de Angra, 314 pessoas afetadas pelas chuvas estão em 38 pontos de apoio montados pela administração municipal. Nesses locais, elas estão recebendo suporte das equipes da Assistência Social, Educação e Saúde.

Em razão dos estragos causados pelas chuvas, o governo federal reconheceu a situação de emergencia de Angra, o que permite acelerar a liberação de ajuda ao município.

A prefeitura também está recebendo doações na sede da Secretaria de Desenvolvimento Social e Promoção da Cidadania, localizada na Praça Marinha Greenhalgh, 59, ao lado do Teatro Municipal.

Água, toalhas, colchões, produtos de higiene pessoal e materiais de limpeza estão entre os mais necessários.

Além de Angra, outros municípios do estado foram duramente afetados pelas chuvas. Sete pessoas da mesma família foram vítimas de um deslizamento em Paraty (a 240 km da capital).

Segundo a prefeitura, as vítimas foram uma mãe e seis filhos, com idades entre 2 e 17 anos. Um sétimo filho foi resgatado com vida e encaminhado para o Hospital Municipal Hugo Miranda com quadro estável. Outras quatro pessoas também teriam ficado feridas, mas sem gravidade.

O outro óbito ocorreu em Mesquita, cidade da região metropolitana do Rio. Um homem morreu eletrocutado na região central da cidade em consequência das chuvas. Outras cidades do estado também sofreram danos, como São João de Meriti, Nova Iguaçu e Belford Roxo, município no qual 300 moradores ficaram desalojados.

Leia também

Homem é preso suspeito de assediar mulheres durante jogo em Nova Venécia

Um homem foi preso na tarde deste domingo (22), suspeito de assédio sexual contra duas mulheres nas dependências...

Capixaba produz terço gigante da Festa da Penha há 24 anos

  Com 21 metros e luz de LED, a peça traz a imagem da Santa, com um paciente no...

Veículo desgovernado bate em poste nas proximidades da Vila Luciene, em Barra de São Francisco

O condutor deste veículo perdeu controle de direção do mesmo e acabou rodando na pista e bateu em...

Lyon derrota Barcelona em Turim e conquista Liga dos Campeões feminina

O Lyon (França) derrotou o Barcelona (Espanha) por 3 a 1, neste sábado (21) em Turim (Itália), e...

Governo planeja trava para evitar reajustes da Petrobras em ano eleitoral

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - O governo discute a criação de um mecanismo para evitar que a Petrobras reajuste...

Campanha Maio Amarelo chama atenção para transporte seguro

A Rodoviária do Rio, segundo terminal em movimentação de passageiros do Brasil, e mais oito terminais rodoviários do...

Atlético-MG perde em casa e vê cair invencibilidade na Libertadores

O Atlético-MG perdeu de 2 a 1 para o Tolima, na noite desta quarta-feira (25) no estádio do...

Pagamento do Enem pode ser efetuado até sexta-feira (27)

Os inscritos não isentos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2022 têm até sexta-feira, 27 de maio,...