Sistema imunológico pode ser a resposta no tratamento contra câncer, afirmam estudiosos

A resposta para a cura do câncer pode estar no nosso sistema imunológico. Pesquisadores de uma universidade do País de Gales, na Grã-Bretanha, estão desenvolvendo um método em laboratório que pode destruir o câncer de próstata, de mama, de pulmão e outros tipos. 

A equipe da universidade estudava uma forma de o sistema imunológico atacar naturalmente os tumores, já que ele é a defesa natural do corpo contra infecções e também contra células cancerígenas. A partir do estudo, foi encontrada uma célula chamada linfócito T, que identifica e ataca essas células malignas, preservando as saudáveis. 

Segundo os estudiosos, a diferença nessa célula T é que ela pode escanear o corpo em busca de novas ameaças e pode tratar qualquer tipo de paciente. O que está sendo pesquisado agora é como essas células agem dessa forma. 

A ideia dos pesquisadores é coletar o sangue do paciente em tratamento e extrair também as células T do corpo. Com isso, elas seriam modificadas geneticamente e reprogramadas para constituir o receptor que encontra o câncer. Após esse processo de aperfeiçoamento, as células seriam reinseridas no paciente. 

O estudo ainda não foi testado em humanos, mas pesquisadores que não estão participando dos testes acreditam que, apesar de ser muito cedo para afirmar, o método tem grande potencial. 

Foto: Pixabay

Leia mais

Deputada Soraya Manato entrega respiradores ao Hospital São Marcos

A deputada federal, Soraya Manato (PSL), realizou a entrega de dois respiradores, sendo um fixo e um móvel, ao Hospital São Marcos, em Nova...

Governo publica edital para Programa Cisternas

O governo federal publicou uma portaria para expandir o Programa Nacional de Apoio à Captação de Água de Chuva e outras Tecnologias Sociais (Programa...

Deputado Enivaldo dos Anjos critica liminar contra descontos e Assembleia responderá à decisão

Deputado Enivaldo dos AnosO deputado estadual Enivaldo dos...

MG: Minas Consciente libera regiões para onda verde e municípios podem retomar atividades na pandemia

O Comitê Extraordinário Covid-19 liberou a macrorregião de Saúde Norte e 16 microrregiões no estado para avançarem para a onda verde do plano Minas...

Leia também