Sistema da Sefaz vai facilitar compra de medicamentos pelas prefeituras

Compartilhe

Um sistema concebido na Gerência Geral de Finanças da Subsecretaria do Tesouro Estadual vai dar mais celeridade e possibilitar maior economia na compra de medicamentos pelas prefeituras capixabas. A partir de agora, as Administrações Municipais passam a ter acesso ao Portal de Preços NF-e, que facilita o processo de levantamento de preços de mercado, procedimento necessário para a compra de produtos.

A instituição do Portal de Preços NF-e foi publicada na edição desta quinta-feira (16), no Diário Oficial do Estado (Decreto nº 5.031-R). A publicação detalha as atribuições do sistema e o que os gestores municipais deverão fazer para ter acesso às informações levantadas pela Secretaria da Fazenda (Sefaz). 

“As aquisições públicas demandam certo rito para garantir a lisura do processo e um dos procedimentos que mais toma tempo é o levantamento de preços. Com o Portal de Preços, esse trabalho, que é muito importante, pode ficar bem mais rápido”, explicou o secretário de Estado da Fazenda, Marcelo Altoé.

Além da agilidade, o sistema possibilita compras mais vantajosas para os municípios, uma vez que identifica os preços mais baixos disponíveis no mercado. Atualmente, o Portal de Preços já é utilizado pela Secretaria da Saúde (Sesa).

Para funcionamento, o Portal de Preços NF-e utiliza informações da base de dados das notas fiscais eletrônicas emitidas em todo o Espírito Santo. Todos os órgãos públicos que realizam compras no Estado podem utilizar o Portal, bem como municípios a partir da manifestação de interesse.

O subsecretário do Tesouro Estadual, Bruno Pires Dias, classificou o Portal de Preços como importante instrumento de economia de recursos públicos. “Esse sistema permite ao gestor público obter informações mais precisas a respeito dos verdadeiros preços praticados no mercado, reduzindo drasticamente a prática de eventual sobrepreço contra a administração pública. É mais um belíssimo trabalho dos consultores do Tesouro Estadual, que contribui para qualificar o processo de compras públicas”, ressaltou.

Os órgãos ou municípios interessados no uso do sistema devem enviar listagem com a relação dos servidores indicados para acesso. Essa relação deve conter o nome completo, CPF e e-mail do servidor para que a Secretaria da Fazenda possa realizar a habilitação. As informações dos servidores podem ser enviadas para a Sefaz pelo e-mail portaldeprecos@sefaz.es.gov.br.

 

Leia também

RESÍDUOS SÓLIDOS: RJ poderá contar com até R$ 100 milhões para obras de manejo

O Governo Federal autorizou o uso de debêntures incentivadas para o financiamento de obras de manejo de resíduos...

Espírito Santo lança editais para profissionais de saúde com salários de até R$ 15 mil; confira

O Instituto Capixaba de Ensino, Pesquisa e Inovação em Saúde (ICEPi) está com 208 vagas abertas para profissionais...

Etapa dos Jogos Escolares em Barra de São Francisco foi um sucesso!!! Confira as fotos (01)

Confira na galeria de fotos quem marcou presença na Etapa Regional dos Jogos Escolares em Barra de São...

Botafogo arranca empate com o América-MG no Independência

Com um gol de Erison aos 40 minutos do segundo tempo, o Botafogo arrancou um empate de 1...

Carro bate em palmeira e arranca árvore do lugar na reta do bairro Aeroporto

  Um acidente foi registrado na manhã desta segunda-feira, dia 23, na reta do bairro Aeroporto, em Nova Venécia. Segundo...