Setor de serviços cresce 5% em junho, segundo IBGE

Setor de serviços cresce 5% em junho, segundo IBGE

Transporte aéreo de passageiros e operação de aeroportos foram alguns dos segmentos do setor de serviços que tiveram crescimento em junho. Foto: Banco de imagens

O volume de serviços no Brasil cresceu 5% em junho, em comparação a maio, na série com ajuste sazonal. A alta reverteu uma trajetória de quatro meses seguidos de taxas negativas, quando a perda acumulada foi de 19,5% devido aos impactos da pandemia da Covid-19. Os dados são da Pesquisa Mensal de Serviços, divulgada nesta quinta-feira (13/08) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Das atividades pesquisadas, o setor de transportes foi um dos que acompanharam o resultado positivo de junho. O setor cresceu 11,9% entre maio e junho, depois de recuar 25,2% no período de março abril. Entre os segmentos do setor que tiveram crescimento em junho estão o transporte rodoviário de carga, transporte aéreo de passageiros e operação de aeroportos. Houve ainda avanço de 6,9% nos serviços auxiliares aos transportes e correio e de 3,3% nos serviços de informação e comunicação.

Também tiveram avanços os serviços profissionais, administrativos e complementares (2,7%), dos serviços prestados às famílias (14,2%) e de outros serviços (6,4%).

A retomada do funcionamento de restaurantes colaborou para o resultado positivo do setor de serviços, de acordo com o IBGE. Entre março e maio, a atividade sofreu uma retração de 18,6%. O gerente de um restaurante do Rio de Janeiro, Raphael Rocha, contou que o estabelecimento está retomando o movimento aos poucos e, a expectativa, é voltar a ver a casa cheia.

“Ficamos por volta de três meses e meio fechados, agora, com a possibilidade de abertura, por mais que esteja devagar, podemos receber e conseguir pagar contas que ficaram atrasadas durante esses meses e ir retomando de forma gradual o trabalho. Precisamos do público e, gradualmente, as pessoas estão voltando”, disse Raphael.

De acordo com o IBGE, os efeitos negativos da pandemia sobre o setor de serviços começaram a ser sentidos apenas nos últimos 10 dias do mês março e se aprofundaram nos dois meses seguintes.

“As perdas da pandemia propriamente ditas ocorreram entre março e maio, período em que o setor de serviços acumulou uma perda de 18,6%”, comentou o gerente da Pesquisa Mensal de Serviços, do IBGE, Rodrigo Lobo.

No acumulado do ano, o volume de serviços caiu 8,3% frente a igual período de 2019.

 

Resultado por regiões

 

Das 27 unidades da federação, 21 tiveram expansão no volume de serviços em junho, quando comparado a maio. Entre os locais com resultados positivos no mês, São Paulo (5,1%) teve o crescimento mais importante, com 5,1%, após cair 19,5% entre fevereiro e maio deste ano.

 

Crescimento na atividade turística

 

Pelo segundo mês seguido, o índice de atividades turísticas teve taxa positiva. Em junho, o avanço foi de 19,8% em comparação a maio. Com os impactos das medidas preventivas para o combate à pandemia da Covid-19, o segmento de turismo tinha uma perda acumulada entre março e abril de 68,1%.

Leia mais

Coronavírus: Cadastro de familiares de presos será feito pelo WhatsApp

Para diminuir o fluxo de pessoas nas unidades prisionais e evitar chances de contágio do novo...

INDICADORES: Quarta-feira (4) começa com baixa no boi gordo em SP

A cotação da arroba do boi gordo começou a quarta-feira (4) com queda de 0,52% no preço e o produto é negociado a R$...

Pesquisa aponta vitória de Bolinha em Vila Pavão

Pesquisa realizada pelo Ipopes no município de Vila Pavão, sob encomenda de A Notícia, indica que o candidato Bolinha (PSB), vencerá a eleição deste...

Ministério da Justiça participa de operação contra organização criminosa em 11 estados

Segunda fase da Operação Flashback é deflagrada para combater o principal núcleo do PCC. Foto: Ministério da Justiça e Segurança Pública O Ministério da Justiça...

Leia também

Espírito Santo chega a 4.207 mortes e 170.664 curados em 184.801 casos confirmados de Covid-19

Na comparação com os dados divulgados nesta quarta-feira (25), o aumento é de 21 mortes e 1.946 novos casos da doença. Exame de coronavírus —...

O TEMPO E A TEMPERATURA: Frente fria causa chuva em todos os estados da região Sul nesta sexta-feira (27)

Nesta sexta-feira (27), uma frente fria ainda atua no Sul do País, o que deve manter o tempo instável na região. Há previsão de...

O TEMPO E A TEMPERATURA: Centro Oeste do país tem tempo aberto e poucas chuvas nesta sexta-feira (27)

Na sexta-feira (27), na Região Centro-Oeste do país parte do clima deve se manter com chuvas em áreas isoladas, como a nebulosidade que aumenta...

O TEMPO E A TEMPERATURA: Região Norte do país tem previsão de chuva, nesta sexta-feira (27)

A partir desta sexta-feira (27), no Norte do país, as chuvas mais volumosas ocorrem no Acre, em Rondônia e no oeste e norte do...