Sesport promove reunião presencial para tirar dúvidas sobre o Compete Esportivo

A Secretaria de Esportes e Lazer (Sesport) realizou, nesta quinta-feira (15), em sua sede, em Bento Ferreira, Vitória, uma reunião tira-dúvidas com os interessados em participar do programa Compete Esportivo. Quarenta pessoas estiveram no evento, que aconteceu no ginásio poliesportivo Audifax Barreto Duarte e seguiu todos os protocolos sanitários de segurança, com disponibilidade de álcool em gel e uso obrigatório de máscaras.

Na última terça-feira (13), a Sesport já havia promovido dois encontros, mas de forma virtual, também para tirar dúvidas sobre o edital do programa. O Compete tem como finalidade custear viagens de avião, de ida e volta, para que atletas e paratletas disputem competições nacionais e internacionais.

Para ter acesso ao edital completo, clique aqui.

As inscrições para o programa podem ser feitas até o próximo dia 23 deste mês e a previsão da Sesport é de investir até R$ 1,5 milhão em passagens aéreas, com vigência de 12 meses, a contar a partir da data da publicação do resultado final do processo seletivo, previsto para ser divulgado até o dia 09 de agosto. Ou seja, poderão ser solicitadas passagens para torneios realizados também em 2022.

Um dos participantes da reunião tira-dúvidas, o treinador de basquete Gilmar da Silva, medalha de prata nas edições 2018 e 2019 dos Jogos Escolares da Juventude, na categoria infantil feminina, com a Umef Nice de Paula, de Vila Velha, agradeceu a Sesport pela realização do evento. “O Compete é um programa extremamente importante para quem participa de competições fora do Estado. No meu caso, que sou treinador de uma equipe escolar, essas viagens são fundamentais para que minhas atletas ganhem experiência. E poder tirar essas dúvidas sobre o programa é muito bom também para que possamos nos organizar e realizar os pedidos de passagens para o time”, comentou o técnico.

Quem pode pleitear?

Poderão participar do Compete federações estaduais, entidades privadas esportivas, representando os atletas e equipes, além de atletas de forma individualizada, desde que a modalidade não tenha federação ou entidade local legalizada, além de técnicos e acompanhantes de atletas com deficiência. Já os clubes deverão requerer passagens para participar de competições entre clubes. No caso de não haver federação legalizada da modalidade, a agremiação poderá solicitar passagens para competições entre estados. Cada esportista poderá ser contemplado com, no máximo, três viagens.

Para análise neste processo seletivo, serão observados os atletas ou as equipes que participaram do evento máximo da temporada, nos anos 2017, 2018, 2019 ou 2020, e que tenham obtido primeira, segunda ou terceira colocações em competições referendadas pela confederação da respectiva modalidade, no caso de competições nacionais, ou pela federação, no caso de competições estaduais. Para a avaliação dos resultados do ano de 2020, só serão aceitas as disputas realizadas até o dia 20 de março, data do decreto que reconheceu o estado de calamidade pública no Brasil, por conta da pandemia do novo Coronavírus (Covid-19).

Os interessados em participar da seleção também poderão obter informações pelos telefones (27) 3636-7001 / 3636-7002, ou pelo e-mail: competeesportivo@seport.es.gov.br.

 


Leia mais

Leia também