Secretaria de Esportes debate criação da Casa das Federações

O secretário de Estado de Esportes e Lazer, Júnior Abreu, realizou, na manhã desta quinta-feira (20), uma reunião com presidentes e representantes de entidades esportivas capixaba para debater a criação da Casa das Federações. A conversa ocorreu no ginásio poliesportivo Paulo Valiate Pimenta, na sede da Sesport, em Bento Ferreira, Vitória.

A reunião contou com a participação de 26 presidentes e representantes de federações esportivas, entre elas handebol, natação, ginástica, futsal e atletismo.  O Encontro foi realizado  seguindo todas as medidas e protocolos sanitários de prevenção estabelecidos pela Secretaria da Saúde (Sesa), no combate à pandemia do novo Coronavírus (Covid-19), com distanciamento social entre as cadeiras e medição de temperatura dos presentes.

A ocasião serviu também para que as entidades interessadas em ocupar as salas do Edifício Portugal, no Centro de Vitória, se manifestassem. Além disso, os presidentes tiveram a oportunidade de opinar caso quisessem dividir salas com outras federações.

No encontro, o secretário de  Estado de Esportes e Lazer, Júnior Abreu, destacou a importância do diálogo com as entidades esportivas e pontuou as vantagens que acompanham a criação da Casa das Federações.

“O projeto da Casa das Federações é super importante, pois oferece às federações a possibilidade de ter uma sede física, que era um sonho antigo da maioria. A ideia do Governo do Estado é que as federações assumam apenas o condomínio do local e outros custos individuais, o que é um gasto menor comparado ao que muitos possuem atualmente”, comentou Abreu.

O presidente da Federação Capixaba de Atletismo (Fecat), André Schieck, disse que a reunião faz parte do avanço que o Estado tem dado no diálogo com as federações. Ele ainda exemplificou como o projeto auxilia na realização de eventos esportivos.

“Essa iniciativa é muito importante para o desenvolvimento do esporte capixaba, pois, para que isso ocorra, é necessário que as federações também evoluam e, com certeza, este projeto veio em boa hora. Muitas entidades esportivas dependem da criação da Casa das Federações e, com isso, poderão direcionar o dinheiro gasto com aluguel para outras coisas, como a realização de eventos esportivos. Foi uma reunião excelente e nós acreditamos que o Estado vai avançar muito, principalmente no diálogo com as federações”, explicou Schieck.

Visita às salas

A criação da Casa das Federações vem sendo debatida há alguns meses, mas ganhou destaque na última semana, quando o secretário Júnior Abreu participou de uma reunião com a secretária de Estado de Gestão e Recursos Humanos (Seger), Lenise Loureiro, e traçaram ideias para a criação da Cada das Federações.

Na oportunidade, os dois secretários visitaram o Edifício Portugal, imóvel do Estado apresentado na reunião, que deve ter as salas repassadas para as entidades esportivas.

Leia mais

Leia também