Senador capixaba diz que governo Lula deixa Bolsonaro comendo poeira

O senador Fabiano Contarato (Rede) disse a O Antagonista não acreditar em “terceira via” nas eleições presidenciais de 2022.

Para ele, a disputa no ano que vem será “entre os legados de dois presidentes” — Lula e Jair Bolsonaro –, tendo perspectivas de recuperação econômica como pano de fundo.

“Nessa comparação, na memória popular, o governo Lula deixa Bolsonaro comendo poeira. A menos que haja uma agitação autoritária, Bolsonaro será deportado de volta ao baixo clero.”

Contarato afirmou que a construção de uma candidatura de centro “jamais saiu do papel ou do gogó de lideranças que falam em união, mas apreciam mesmo é um voo solo”.

O senador pelo Espírito Santo também não acredita em reprise entre lavajatismo e antipetismo, uma vez que, no entender dele, Bolsonaro foi o coveiro da Lava Jato e da economia”.

Não haverá a comoção da facada nem o improviso de ‘candidatos-postes’ ou o figurino alugado de outsider”, acrescentou.

Leia mais

Leia também