Senado convida futuro ministro da Saúde para debate na Casa

Requerimento para convidar o médico cardiologista Marcelo Queiroga é da senadora Rose de Freitas e do Senador Randolfe Rodrigues, com subscrição dos outros parlamentares

O Senado Federal aprovou nesta terça, 16, requerimento da senadora Rose de Freitas (MDB-ES) e do senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) para um debate na Casa com o médico cardiologista Marcelo Queiroga, confirmado para substituir o general Eduardo Pazuello no comando do Ministério da Saúde.

Foram 2.798 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas no Brasil. A senadora Rose cobra que, “tão logo tome posse, o ministro compareça ao Senado”.  Queiroga deve assumir o Ministério na próxima quinta, 18.

“Não temos tempo a perder. É um país que já se aproxima dos 300 mil óbitos (282.400). Isso não é brincadeira, é uma tragédia humanitária. A declaração dele (Queiroga) de que o ministro só obedece o presidente preocupa muito”, avaliou a senadora.

Leia mais

Leia também