Sem limpeza pública, mato esconde túmulos em cemitério de Ecoporanga

O local onde a população de Ecoporanga enterra seus entes queridos está praticamente abandonado e tomado pelo mato. As imagens, feitas pela reportagem do agitaeco, impressionam e demostram que falta manutenção no local.

O mato toma conta dos túmulos e das vias de circulação, além de ser um ambiente propício para a proliferação de pragas, animais peçonhentos e até insetos, como o Aedes Aegypti.

Serviço de limpeza pública, varrição e capina são serviços essências em um município. Há poucos dias nosso site esteve acompanhando um sepultamento. É praticamente impossível a circulação no local, para levar o caixão até a cova, familiares tem que orar e ter muita força para o caixão não cair.

O trabalho de limpeza do cemitério é por conta da prefeitura que terceirizou o serviço. Há cerca de quatro meses, o município não está prestando esse serviço a população, que paga seus impostos.

Além do cemitério, escolas municipais que estão prestes a iniciarem suas atividades presencias estão tomadas pelo mato.

No dia 09/02/2021 a prefeitura informou que uma licitação já estava em fase de preparação, após conclusão, iria ser submetido a levantamento de preços e até o final do mês de fevereiro poderia ficar pronta a licitação. Até o momento foi resolvido e a cidade está sem limpeza pública.

 

 

Leia mais

Leia também