Sejus e Iema firmam parceria para ações educativas

Materiais educativos e pedagógicos produzidos por internas do Centro Prisional Feminino de Colatina (CPFCOL) serão utilizados pelo Instituto Estadual de Meio Ambiente (Iema) em atividades de educação ambiental. Para isso, um acordo de Cooperação Técnica foi assinado, na manhã dessa quarta-feira (11), entre o Iema e a Secretaria da Justiça, na sede do órgão, em Cariacica. O evento também contou com uma programação especial voltada ao Mês da Mulher, com a presença da vice-governadora Jaqueline Moraes.
 
Internas do CPFCOL serão responsáveis pela confecção de fantoches, caixas sensoriais, jogos, livros e dedoches, desenvolvidos por meio do projeto “Aconchego Lúdico”, criado em 2018. Para a vice-governadora, a parceria representa mais uma ação de transformação social.
 
“Parabéns a Sejus e ao Iema pelo acordo de cooperação técnica. Que bom que o nosso Governo acredita na ressocialização. Que bom que nós acreditamos que as pessoas podem receber outra oportunidade. A partir de ações como essa, estamos proporcionando uma transformação social, ensinando as crianças a preservar o meio ambiente, com este projeto e transformando a vida das mulheres que estão em privação de liberdade, por meio da ressocialização. O Governo precisa ser mais sensível perante à sociedade. Isso é empatia e boa política pública”, enfatizou a vice-governadora.
 
Para o diretor presidente do Instituto Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Alaimar Fiuza, o Acordo fortalece as ações de educação ambiental promovidas pelo órgão, mas também enriquece, qualifica e dá um propósito mais nobre aos kits que estão sendo produzidos. 

“Cada fantoche e cada peça produzida é fruto de um trabalho muito maior, apostando no ser humano que deve aprender com os erros e devolver ao outro algo melhor. Que nesse caso das mulheres do Centro Penitenciário, com um valor simbólico agregado, a transformação se dá por meio das ações de ressocialização. E na educação ambiental há também muita transformação. Essa nossa forma de olhar o mundo que nos cerca, na natureza e no que fazemos ao nosso planeta. Esses ensinamentos estarão presentes tanto nos brinquedos produzidos quanto nas atividades de educação ambiental que iremos multiplicar”, ponderou.             
 
A subsecretária de Ressocialização da Sejus, Roberta Ferraz, destacou a parceria como mais um projeto de reinserção social. “São projetos assim que nascem da conjugação de esforços, que fazem a diferença, pois transformam não só quem está dentro do cárcere, mas também quem está fora. Projetos e parcerias, como a firmada aqui, demonstram a preocupação da Sejus com a ressocialização”, disse Roberta Ferraz.
 
A diretora do CPFCOL, Maria Aparecida de Freitas de Albuquerque, explica que o “Projeto Aconchego Lúdico” tem como principal objetivo impulsionar o processo de ensino aprendizagem de crianças por meio do lúdico. “O projeto busca a educação por meio da arte, utilizando contação de estórias e materiais pedagógicos, que de forma lúdica auxiliam o desenvolvimento psicomotor e intelectual de qualquer criança. Em contrapartida, o trabalho desenvolve novas habilidades nas internas, como o conhecimento e a criatividade”.
 
Comemoração no Mês da Mulher
 
O evento também contou com uma programação especial em comemoração ao Mês da Mulher. O público, composto por servidores e convidados do Iema e Sejus, puderam assistir a uma breve apresentação da vice-governadora, Jaqueline Moraes, sobre empoderamento feminino, além de uma  apresentação musical do coral de mulheres Louvarte e ao teatro de bonecos, com fantoches, compostos por internas do Centro Prisional Feminino de Colatina.
 
Os fantoches utilizados na apresentação são os mesmos que farão parte dos kits pedagógicos que serão produzidos para as atividades de educação ambiental desenvolvidas nas Unidades de Conservação. Estes materiais serão utilizados pela Gerência de Educação Ambiental do Iema, onde uma das premissas do Programa Estadual de Educação Ambiental, em suas linhas de atuação, é potencializar o empreendedorismo, a cidadania e inclusão.
 
 

Leia mais

Romualdo lidera sucessão em Boa Esperança

Se a eleição fosse realizada hoje, o ex-prefeito de Boa Esperança, e pré-candidato à sucessão, Romualdo Milanese, estaria eleito com 52,64% dos votos (menção...

Projeto do Senado permite que empresas migrem para regime tributário que atende atuais perspectivas de lucro

Com a crise econômica ocasionada pela pandemia do novo coronavírus, muitas empresas instaladas no Brasil foram afetadas e passaram a ter margens de lucro...

2° caso de coronavirus é confirmado em Guarapari

A prefeitura municipal de Guarapari emitiu nota na...

Rio Grande do Sul conhece proposta de reforma tributária apresentada pelo governo do estado. Saiba mais.

O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), e o secretário de Fazenda do estado, Marco Aurelio Cardoso, apresentaram nesta semana o...

Leia também

Eleições Municipais terão plano de segurança sanitária

A pouco menos de um mês para a realização do primeiro turno das Eleições Municipais, um dos desafios que se apresentam é garantir a...

Mapa revela que municípios com alta produção agrícola impactam no PIB local

Um estudo do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) revela que municípios com maior valor da produção agrícola do país têm, em média,...

Projeto de Lei que parcela dívidas tributárias federais pode ajudar contribuintes catarinenses

Responsável por um a cada três empregos formais em Santa Catarina, o segmento industrial do estado aguarda a aprovação do Projeto de Lei 2735/2020,...

Congresso discute ações de combate aos incêndios no Pantanal

Deputados federais e senadores à frente da Comissão Temporária Externa que discute os incêndios no Pantanal elaboram um estatuto do bioma. O documento conterá...