Sejus e Iema firmam parceria para ações educativas

Materiais educativos e pedagógicos produzidos por internas do Centro Prisional Feminino de Colatina (CPFCOL) serão utilizados pelo Instituto Estadual de Meio Ambiente (Iema) em atividades de educação ambiental. Para isso, um acordo de Cooperação Técnica foi assinado, na manhã dessa quarta-feira (11), entre o Iema e a Secretaria da Justiça, na sede do órgão, em Cariacica. O evento também contou com uma programação especial voltada ao Mês da Mulher, com a presença da vice-governadora Jaqueline Moraes.
 
Internas do CPFCOL serão responsáveis pela confecção de fantoches, caixas sensoriais, jogos, livros e dedoches, desenvolvidos por meio do projeto “Aconchego Lúdico”, criado em 2018. Para a vice-governadora, a parceria representa mais uma ação de transformação social.
 
“Parabéns a Sejus e ao Iema pelo acordo de cooperação técnica. Que bom que o nosso Governo acredita na ressocialização. Que bom que nós acreditamos que as pessoas podem receber outra oportunidade. A partir de ações como essa, estamos proporcionando uma transformação social, ensinando as crianças a preservar o meio ambiente, com este projeto e transformando a vida das mulheres que estão em privação de liberdade, por meio da ressocialização. O Governo precisa ser mais sensível perante à sociedade. Isso é empatia e boa política pública”, enfatizou a vice-governadora.
 
Para o diretor presidente do Instituto Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Alaimar Fiuza, o Acordo fortalece as ações de educação ambiental promovidas pelo órgão, mas também enriquece, qualifica e dá um propósito mais nobre aos kits que estão sendo produzidos. 

“Cada fantoche e cada peça produzida é fruto de um trabalho muito maior, apostando no ser humano que deve aprender com os erros e devolver ao outro algo melhor. Que nesse caso das mulheres do Centro Penitenciário, com um valor simbólico agregado, a transformação se dá por meio das ações de ressocialização. E na educação ambiental há também muita transformação. Essa nossa forma de olhar o mundo que nos cerca, na natureza e no que fazemos ao nosso planeta. Esses ensinamentos estarão presentes tanto nos brinquedos produzidos quanto nas atividades de educação ambiental que iremos multiplicar”, ponderou.             
 
A subsecretária de Ressocialização da Sejus, Roberta Ferraz, destacou a parceria como mais um projeto de reinserção social. “São projetos assim que nascem da conjugação de esforços, que fazem a diferença, pois transformam não só quem está dentro do cárcere, mas também quem está fora. Projetos e parcerias, como a firmada aqui, demonstram a preocupação da Sejus com a ressocialização”, disse Roberta Ferraz.
 
A diretora do CPFCOL, Maria Aparecida de Freitas de Albuquerque, explica que o “Projeto Aconchego Lúdico” tem como principal objetivo impulsionar o processo de ensino aprendizagem de crianças por meio do lúdico. “O projeto busca a educação por meio da arte, utilizando contação de estórias e materiais pedagógicos, que de forma lúdica auxiliam o desenvolvimento psicomotor e intelectual de qualquer criança. Em contrapartida, o trabalho desenvolve novas habilidades nas internas, como o conhecimento e a criatividade”.
 
Comemoração no Mês da Mulher
 
O evento também contou com uma programação especial em comemoração ao Mês da Mulher. O público, composto por servidores e convidados do Iema e Sejus, puderam assistir a uma breve apresentação da vice-governadora, Jaqueline Moraes, sobre empoderamento feminino, além de uma  apresentação musical do coral de mulheres Louvarte e ao teatro de bonecos, com fantoches, compostos por internas do Centro Prisional Feminino de Colatina.
 
Os fantoches utilizados na apresentação são os mesmos que farão parte dos kits pedagógicos que serão produzidos para as atividades de educação ambiental desenvolvidas nas Unidades de Conservação. Estes materiais serão utilizados pela Gerência de Educação Ambiental do Iema, onde uma das premissas do Programa Estadual de Educação Ambiental, em suas linhas de atuação, é potencializar o empreendedorismo, a cidadania e inclusão.
 
 

Leia mais

CPI vai convocar Escelsa por causa de cobrança durante quarentena

Presidente da CPI da Sonegação na Assembleia Legislativa,...

CGU investiga desvio de recursos na compra de ventiladores no Pará

Investigações, iniciadas pelo MPF, apontaram que as possíveis fraudes ocorreriam desde o início do processo de seleção do...

Enivaldo comemora contrato que autoriza porto em São Mateus

O deputado estadual Enivaldo dos Anjos (PSD) comemorou...

Parceria das famílias fortalece aprendizado dos alunos nas Atividades Não Presenciais

A parceria entre família e escola é um ingrediente tão importante no desenvolvimento dos alunos que...

Leia também

Auxílio de R$600: Próximos pagamentos serão automáticos para quem já tem o benefício

Após o anúncio da prorrogação das parcelas do...

Polícia apreende moto clonada também em Barra de São Francisco

No último sábado, 11 de julho de 2020, policiais de Barra de São Francisco avistaram uma motocicleta NXR 160 BROS estacionada de maneira irregular...

ES tem novo 1º lugar em ranking de transparência de dados da Covid-19

O Espírito Santo é mais uma vez 1º lugar na divulgação dos dados referentes à pandemia do novo Coronavírus (Covid-19).  É o que mostra a versão...

Polícia apreende moto clonada em Água Doce do Norte

No último sábado, 11 de julho de 2020, durante patrulhamento no centro de Água Doce do Norte, foi avistada pela guarnição uma motocicleta CG...