Sedu e Seag debatem Chamada Pública Escolar com cooperativas e associações nesta quinta-feira (17)

A Secretaria da Educação (Sedu), por meio da Subgerência de Alimentação Escolar, em parceria com a Secretaria da Agricultura, Abastecimento. Aquicultura e Pesca (Seag), realiza, nesta quinta-feira (17), às 9h, reunião com diversas cooperativas e associações, além de outras entidades com foco na Chamada Pública para alimentação escolar. A reunião será realizada de forma on-line, pelo Google Meet.

A subgerente de Alimentação Escolar, Jaiara Ferreira Simões, destaca que “a ação é necessária e deve ser contínua ante a sua importância. Os produtos da Agricultura Familiar possuem qualidade e agregam valor aos cardápios da alimentação escolar. Com este diálogo, podemos dar oportunidade para que cooperativas e associações que nunca participaram desse processo apresentem seus produtos, garantindo que uma maior variedade faça parte do mapeamento desta GAE/SUAE”, disse.

Aquisição gêneros alimentícios

O Governo do Estado repassou, recentemente, quase R$ 12 milhões para a aquisição de gêneros alimentícios da agricultura familiar para as escolas da Rede Pública Estadual. Os recursos são oriundos do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) e beneficiaram 24 contratos e 18 cooperativas.

Passaram a ser adquiridos gêneros alimentícios hortifrutigranjeiros, peixe, polpa e produtos estocáveis como feijão, leite em pó e farinha da agricultura familiar e de empreendedor familiar rural ou suas organizações, visando a atender as necessidades da alimentação escolar dos alunos matriculados nas Escolas Estaduais de Ensino Fundamental e Médio. O contrato tem vigência de 12 meses, podendo ser prorrogado.

Os recursos foram destinados para a Rede Estadual tendo como apoio 11 municípios: Aracruz, Cachoeiro de Itapemirim, Cariacica, Colatina, Guarapari, Linhares, Santa Maria de Jetibá, São Mateus, Serra, Vila Velha e Vitória.

 

Leia mais

Leia também