Secretaria da Saúde divulga 34º boletim da Covid-19

O Espírito Santo tem 120 casos confirmados do novo Coronavírus (Covid-19) até esta quarta-feira (01). A informação do caso do paciente do Rio de Janeiro que possui empresa em território capixaba e procurou o serviço de saúde local ao apresentar os sintomas e teve a testagem positiva, foi repassada ao seu estado de origem pelo Centro de Informações Estratégicas e Respostas em Vigilância em Saúde (CIEVS), da Secretaria da Saúde (Sesa) e, a partir de hoje, deixa de ser contabilizado no Espírito Santo.

Na noite desta terça-feira (31), a Sesa foi contactada pelo município de Alto Rio Novo, que não reconheceu a notificação de um caso confirmado da Covid-19 no boletim epidemiológico número 33. Imediatamente a Sesa iniciou a apuração dos fatos e concluiu que houve um equívoco por parte de um hospital particular da Grande Vitória que realizou o atendimento e notificou o Lacen com a amostra.

O hospital reconheceu que se tratava de pacientes homônimos, o que gerou o erro por parte do profissional do próprio hospital no momento da transferência dos dados para o sistema.

A Sesa lamenta o ocorrido e informa que já está tomando todas as providências necessárias. O boletim será alterado com a correção da notificação que se trata de paciente do município de Serra.

O Espírito Santo já registra casos de transmissão comunitária da doença, ou seja, quando não há como identificar a origem da contaminação.

Dos casos confirmados, 13 pacientes já estão curados, 88 estão em isolamento residencial e 19 estão internados, sendo nove em Unidades de Terapia Intensiva (UTI). A Sesa informa que não há registro de óbitos por Covid-19 em território capixaba, e que nenhum sepultamento ocorreu como indeterminado considerando-se essa doença. Esclarece que um óbito está em investigação para determinação da causa.

A Sesa lembra que os dados pessoais dos pacientes são invioláveis de acordo com a Constituição Federal, estando protegidos por sigilo pela Lei 13.709/2018 (Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais), sendo vedada inclusive a divulgação de bairros em que se localiza a residência dos casos suspeitos ou confirmados. A violação destes direitos está sujeita a responsabilização administrativa, cível e criminal.

 

Município de

Residência

Caso

confirmado

Caso

Descartado

Caso

suspeito

Total

Afonso Cláudio

1

3

1

5

Água Doce do Norte

0

1

0

1

Alegre

0

2

0

2

Alfredo Chaves

0

6

0

6

Anchieta

0

3

0

3

Apiacá

0

0

12

12

Aracruz

1

10

11

22

Atílio Vivácqua

0

3

0

3

Barra de São Francisco

0

3

1

4

Boa Esperança

0

1

0

1

Bom Jesus do Norte

0

0

11

11

Cachoeiro de Itapemirim

1

26

10

37

Cariacica

7

107

37

151

Castelo

2

8

1

11

Colatina

0

18

4

22

Conceição da Barra

0

0

1

1

Divino de São Lourenço

0

1

0

1

Domingos Martins

0

9

2

11

Dores do Rio Preto

0

1

0

1

Fundão

0

0

16

16

Governador Lindenberg

0

1

0

1

Guaçuí

0

4

2

6

Guarapari

2

20

1

23

Ibiraçu

0

0

1

1

Iconha

0

5

1

6

Itaguaçu

0

1

0

1

Itapemirim

1

3

0

4

Itarana

0

2

0

2

Jaguaré

0

2

1

3

Jerônimo Monteiro

0

1

3

4

João Neiva

0

1

1

2

Laranja da Terra

0

1

0

1

Linhares

7

65

84

156

Mantenópolis

0

1

0

1

Marataízes

0

4

2

6

Marechal Floriano

0

3

0

3

Marilândia

0

0

5

5

Mimoso do Sul

0

6

0

6

Montanha

0

0

2

2

Mucurici

0

0

1

1

Muniz Freire

0

2

0

2

Muqui

0

1

0

1

Nova Venécia

0

6

0

6

Pancas

0

1

0

1

Pedro Canário

0

3

1

4

Pinheiros

0

8

0

8

Piúma

0

9

6

15

Ponto Belo

0

1

0

1

Rio Bananal

0

4

0

4

Rio Novo do Sul

0

1

1

2

Santa Maria de Jetibá

0

6

0

6

Santa Teresa

1

2

0

3

São Gabriel da Palha

0

1

1

2

São José do Calçado

0

1

0

1

São Mateus

3

12

6

21

São Roque do Canaã

1

1

1

3

Serra

22

138

222

382

Sooretama

0

2

3

5

Vargem Alta

0

2

0

2

Venda Nova do Imigrante

0

5

0

5

Viana

1

13

33

47

Vila Pavão

0

1

0

1

Vila Velha

36

290

115

441

Vitória

34

197

74

305

Total

120

1.029

674

1.823

 

 

Como prevenir

Até o momento não há um tratamento específico para a doença, que é transmitida por gotículas de saliva e catarro que se espalham pelo ambiente. Por isso, é fundamental manter alguns cuidados com a higiene pessoal que também valem para afastar o risco de gripe e outras tantas doenças respiratórias.

– Lavar as mãos frequentemente por pelo menos 20 segundos com água e sabão;

– Utilizar antisséptico de mãos à base de álcool para higienização;

– Cobrir com a parte interna do cotovelo a boca e o nariz ao tossir ou espirrar;

– Utilizar lenço descartável para higiene nasal;

– Evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca;

– Não compartilhar objetos de uso pessoal;

– Limpar regularmente o ambiente e mantê-lo ventilado.

 

 

Leia mais

Ceturb-ES divulga linhas alternativas para quem utiliza os seletivos

A partir dsta quinta-feira (19), os ônibus seletivos do Sistema Transcol terão as suas operações suspensas...

Após perder a esposa, veneciano vence a Covid-19 aos 87 anos

Seu José Joaquim da Silva, 87 anos, venceu a temida doença da atualidade e depois de oito dias internado no Hospital São Marcos para...

CGU investiga desvio de recursos na compra de ventiladores no Pará

Investigações, iniciadas pelo MPF, apontaram que as possíveis fraudes ocorreriam desde o início do processo de seleção do...

Leia também