Saúde vai monitorar moradores que visitaram regiões afetadas pela Malária para evitar possível surto em Barra de São Francisco

A Vigilância Ambiental em Saúde e Zoonoses, através da secretaria de saúde de Barra de São Francisco, solicita que todos os moradores que retornarem ao município após visitas as regiões com registros de casos de Malária como: Amazonas, Rondônia e Mato Grosso, que procurem o setor para que seja feito avaliação, para diagnóstico precoce, tendo em vista que o mosquito transmissor da Malária, pode estar presente em Barra de São Francisco.

A iniciativa da secretaria de saúde do município é evitar um possível surto da doença. O alerta é da Coordenadora Patrícia Moreira de Almeida Ferreira.


Leia mais

Leia também