Saúde lança estratégia para testagem de cerca de 22% da população

Secretário Nacional de Vigilância Sanitária

O programa foi detalhado pelo Secretário Nacional de Vigilância Sanitária do Ministério da Saúde, Wanderson Oliveira, em coletiva no Palácio do Planalto
– Foto:
Alan Santos/PR

Como parte do esforço do Governo Federal para ampliar a testagem do novo coronavírus no Brasil, o Ministério da Saúde lançou, na última quarta-feira (6), o programa Diagnosticar para Cuidar. A estratégia prevê a realização de 46 milhões de testes na população brasileira ainda neste ano, ou seja, em cerca de 22% da população. 

De acordo com a pasta, o programa está dividido em fases de atuação durante todo o ano, com o objetivo de avaliar o comportamento do vírus no País, assim como a velocidade da expansão dele ao  longo do tempo e por região.

O plano é dividido em duas frentes: a “Confirma Covid-19” e o “Testa Brasil”. O primeiro, utiliza o teste RT-PCR (biologia molecular), que identifica o vírus em amostras respiratórias em até sete dias do início dos sintomas, ou seja, quando o vírus está agindo no organismo do paciente. Para essa frente, serão testadas apenas as pessoas com sintomas da doença, sejam leves, moderados ou graves.

A segunda frente é o “Testa Brasil”, que irá alavancar o uso dos testes rápidos (sorologia) que ajudarão a entender a progressão do vírus. Esse teste identifica a resposta do organismo à infecção pela Covid-19, ou seja, o anticorpo. Ele deve ser feito a partir do oitavo dia de início dos sintomas, tempo suficiente para que o organismo desenvolva defesa contra o vírus. Serão testadas as pessoas com sintomas da doença.

Já as pessoas sem sintomas da doença poderão ser testadas por meio de inquéritos como a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD) feita pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em parceria com o Ministério da Saúde. Assim, todas as pessoas entrevistadas para o estudo serão testadas com o teste rápido.

“A pesquisa possibilitará a obtenção de dados mais precisos sobre o contágio e sintomas da Covid-19 no território brasileiro, além de informações socioeconômicas da população para identificar o fluxo da doença e como ela evolui nas diferentes regiões brasileiras”, informou o secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Wanderson de Oliveira.

Parcerias públicos-privadas

Para viabilizar a ampliação da testagem, as parcerias público-privadas com redes de laboratórios serão essenciais para o aumento da capacidade de processamento das amostras respiratórias. “Nós vamos acompanhar os períodos de maior necessidade de testagem, que deve ser junho pela sazonalidade dos vírus respiratórios. Hoje já temos uma capacidade de realização de 12 mil testes RT-PCR por dia e poderemos chegar até a 70 mil testes por dia nos períodos mais críticos da doença”, informou o secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde.

Com o aumento da testagem o número de casos da doença no País aumentará diminuindo a subnotificação da doença. “A partir de 25 de maio, iniciaremos a estratégia de testagem em grande volume. Vamos zerar a fila de testes e isso vai gerar o aumento de casos. Além disso, nas cidades com mais de 500 mil habitantes, teremos as unidades de coleta emergencial onde serão coletadas amostras de modo rápido e a pessoa receberá o resultado pelo celular”, informou Wanderson de Oliveira.

Fonte: Ministério da Saúde 

 

Leia mais

INDICADORES: Preço do boi gordo começa a sexta-feira (11) com alta

A cotação da arroba do boi gordo começou a sexta-feira (11) com alta de 0,14% e o produto é negociado a R$ 247,45 em...

Enivaldo critica falta de opções de ônibus para Noroeste no período eleitoral

O deputado estadual Enivaldo dos Anjos (PSD) criticou,...

Coronavírus: Com 10 casos confirmados, Ecoporanga suspende feira livre e fecha comércio por seis dias

O Chefe do Executivo Municipal, dando continuidade as ações especiais de controle e mobilização da população no combate da pandemia causada pelo novo Coronavírus...

R$ 320 mil para Barra de São Francisco

O vereador Wilson Mulinha fez uso na Tribuna da Câmara Municipal de Barra de São Francisco de sua fase de líder do PDT para comunicar...

Leia também

Patrocinador do Flamengo paga até R$ 100 por apostas em classificação do time na Libertadores

O Flamengo iniciou na última terça-feira (24), o mata-mata em defesa do título da Copa Libertadores da América diante do Racing. Após empate por...

Equipe de transição escolhida por Marcos Guerra inicia os trabalhos em Jaguaré

O prefeito de Jaguaré, Rogério Feitani, por meio do decreto 192/2020, nomeou na última quinta-feira (19), a equipe de transição de mandato do atual...

Suspeito de ferir gato com vergalhão é preso no Espírito Santo

Homem de 43 anos se apresentou na delegacia. Gato foi encontrado agonizando com vários ferimentos no corpo após protetores de animais receberem uma denúncia...