Saúde habilita 499 leitos para doenças não relacionadas com Covid-19

uti

O Ministério da Saúde tem traçado estratégias, junto com as secretarias estaduais e municipais, para cuidar dos pacientes com outros problemas de saúde não relacionados à Covid-19. Na última segunda-feira (15), foram habilitados 320 novos leitos em Hospitais de Pequeno Porte no Paraná, com investimento de R$ 5,7 milhões. Desde abril, quando a pasta publicou portaria prevendo essas habilitações, o Governo do Brasil habilitou 499 leitos em Hospitais de Pequeno Porte, com investimento de R$ 8,9 milhões.

Os Hospitais de Pequeno Porte são unidades de saúde preparadas e equipadas para receber pacientes que precisam fazer tratamentos diversos e que não estão relacionados ao novo coronavírus. O objetivo é que os hospitais de referência e maior porte concentrem as internações dos pacientes graves ou gravíssimos do coronavírus e que os hospitais de menor porte façam os demais atendimentos, ajudando a desafogar a assistência nos grandes centros.

Um levantamento feito pelo Ministério da Saúde no início de abril mostra que existem cerca de 15 mil leitos que podem ser usados no tratamento de pacientes de cuidados prolongados que não estão relacionados ao coronavírus. A autorização para essa medida foi publicada por meio de portaria no dia 08/04/2020 e prevê, em caráter excepcional, a utilização temporária desses leitos de cuidados prolongados para assistência dos pacientes crônicos, que não têm Covid-19, e que precisam de UTI e leitos clínicos.

De acordo com a portaria, podem participar da estratégia hospitais que tenham de 31 a 49 leitos, desde que tenham leitos SUS. O custeio varia de R$ 186 mil a R$ 294 mil e o valor será repassado de acordo com o tamanho e porte de cada unidade de saúde.

A autorização temporária desses leitos ocorre a partir da solicitação do estado ou município, que deverá encaminhar um ofício para o Ministério da Saúde. Os estados farão 100% da gestão dos leitos, que não poderão receber atendimentos de pacientes com Covid-19. As publicações das portarias de autorização ocorrerão considerando os critérios epidemiológicos e rede assistencial disponíveis dos Estados, pelo período excepcional de 90 dias, podendo ser prorrogado conforme a necessidade.

As primeiras habilitações desses leitos aconteceram entre 18 e 20 de maio, um mês após a publicação da portaria, e contemplou municípios do e Rio Grande do Norte e Mato Grosso. Para solicitar habilitações, basta que estados e municípios façam contato com o Ministério da Saúde.

Novos leitos habilitados em 15 de junho

 

 

Leitos habilitados

 

 

UF

Município

Estabelecimento

Nº leitos

Valor

PR

Assaí

Hospital Municipal de Assaí

38

R$ 684.000,00

PR

Curitiba

Centro Médico Comunitário Bairro Novo

42

R$ 756.000,00

PR

Curitiba

Hospital Madalena Sofia

48

R$ 864.000,00

PR

Curitiba

Hospital São Lucas

34

R$ 612.000,00

PR

Porecatu

Hospital Municipal de Porecatu

31

R$ 558.000,00

PR

Roncador

Hospital Municipal de Roncador

31

R$ 558.000,00

PR

Sapopema

Hospital Santana de Sapopema

31

R$ 558.000,00

PR

Terra Boa

Hospital Municipal São Judas Tadeu de Terra Boa

32

R$ 576.000,00

PR

Wenceslau Braz

Hospital São Sebastião

33

R$ 594.000,00

TOTAL

320

R$ 5.760.000,00

 

Leitos habilitados até 20 de junho

LEITOS HABILITADOS E PUBLICADOS HPPs

UF

Município

Estabelecimento

Nº leitos

Valor

RN

Parnamirim

Unidade Hospitalar Dep. Marcio Marinho

31

R$ 558.000,00

MT

Alto Araguaia

Hospital Municipal de Alto Araguaia

34

R$ 612.000,00

MT

Confresa

Hospital e Maternidade de Confresa

48

R$ 864.000,00

MT

Paranatinga

Hospital e Maternidade São Benedito

35

R$ 630.000,00

MT

Canarana

Hospital Municipal de Canarana

31

R$ 558.000,00

TOTAL

179

R$     3.222.000,00


Com informações do Ministério da Saúde 

 

Leia mais

Confirmado mais um caso de Coronavírus em Barra de São Francisco

Foi confirmado nesta segunda-feira, 11 de maio de 2020, mais um caso de Coronavírus em Barra de São Francisco. Segundo informações, é mais um profissional...

Rogério Cafeu morre após capotar com trator no interior de Vila Valério

Um homem morreu na tarde desta terça-feira (10/03/2020),...

EDP doa R$ 1 milhão para combate à Covid-19 no Espírito Santo

A EDP, distribuidora de energia elétrica do Espírito...

Variedade de milho desenvolvida pelo Incaper tem boa adesão no Espírito Santo

Nesta sexta-feira (24) comemora-se o Dia Internacional do Milho. Em dezembro de 2018, o Instituto Capixaba...

Leia também

Receitas de medicamentos sujeitos a prescrição e de uso contínuo passam a ter prazo indeterminado durante pandemia

Entrou em vigor a determinação que estende por prazo indeterminado a validade de receitas de medicamentos sujeitos a prescrição e de uso contínuo durante...

Auxílio Emergencial ajuda a baixar pobreza extrema no Brasil

Praticamente metade da população brasileira solicitou o Auxílio Emergencial de R$ 600 oferecido pelo governo federal durante a pandemia e pouco mais de um...

Subfinanciamento do SUS pressiona municípios

Os repasses federais para a Saúde em tempos de pandemia evidenciaram ainda mais os problemas de subfinanciamento no setor e a necessidade do apoio...

Acidente no bairro Irmãos Fernandes envolvendo moto e carro de passeio

Um acidente foi registrado no bairro Irmãos Fernandes, neste domingo, 02/08/2020, por volta das 12hs, no cruzamento entre o Bar Tropical e a Casa...