Rússia convoca embaixador em Washington depois de Biden chamar Putin de “assassino”


O Ministério de Relações Exteriores da Rússia convocou de volta a Moscou o embaixador russo nos Estados Unidos, Anatoly Antonov, informou uma porta-voz do Kremlin nesta quarta-feira (17).

A convocação ocorre depois de o presidente dos EUA, Joe Biden, chamar de assassino o presidente da Rússia, Vladimir Putin. As declarações foram dadas durante entrevista do democrata à emissora americana ABC News, veiculada na manhã da quarta-feira.

O entrevistador George Stephanopoulos perguntou: “Você conhece Vladimir Putin, você pensa que ele é um assassino?”. “Eu penso”, respondeu Biden.

De acordo com agências de notícias, o embaixador Antonov conversará com outros representantes do governo da Rússia sobre os próximos passos da relação do Kremlin com a Casa Branca. Além disso, a intenção da conversa será “não permitir que a relação entre os dois países se deteriore de maneira irreparável”, informa o G1.

Joe Biden e Vladimir Putin

Joe Biden e Vladimir Putin

Leia mais

Leia também