Rio Grande do Sul libera atividades esportivas em regiões com médio e baixo risco de infecção para Covid

O governo do Rio Grande do Sul liberou, nesta quarta-feira (17), competições esportivas e treinos de atletas profissionais e amadores. A flexibilização vale para os municípios localizados em regiões com bandeira amarela ou laranja, de acordo com a classificação do Distanciamento Controlado. 

De acordo com o plano de retomada da economia do estado, a bandeira laranja representa risco epidemiológico médio para o novo coronavírus. Já a bandeira amarela significa risco baixo. 

Nas atividades esportivas em locais com bandeira amarela e laranja, é permitida a presença de 50% dos trabalhadores, sem participação de público. No entanto, o município precisa autorizar os eventos. Já nos clubes sociais e esportivas localizados em regiões com bandeira laranja, estão liberados os treinos coletivos de atletas profissionais e a presença de 25% dos trabalhadores, também sem público. 

7,8 milhões de brasileiros ainda sofrem com distância de atendimento de alta complexidade

Regiões gaúchas habilitam protocolos específicos de combate à pandemia

Uma nota informativa da Secretaria de Estado de Saúde (SES) traz 42 recomendações que devem constar nos protocolos das competições esportivas. Os responsáveis pelos eventos vão ter que entregar os planos de contingência para prevenção e controle da Covid-19 às secretarias de saúde municipais. 

Cada prefeitura vai analisar os documentos e podem solicitar, se acharem necessário, adequações com mais exigências técnicas. 

Leia mais

Leia também