Retorno às aulas: R$ 454 milhões são repassados aos municípios para combater a Covid-19

As escolas públicas por todo o país serão beneficiadas com recursos provenientes do Ministério da Saúde, em um valor total de R$ 454 milhões para aquisição de materiais e insumos necessários para prevenir a transmissão da Covid-19 entre estudantes e profissionais da rede básica. A medida visa o retorno às aulas presenciais conforme organização local de estados e municípios.

Os recursos foram repassados na primeira semana de agosto aos Fundos Municipais de Saúde e contempla escolas municipais, estaduais e federais, incluindo creches, pré-escolas, ensinos fundamental e médio, e também educação de jovens e adultos.

A medida pretende beneficiar mais de três milhões de crianças de zero aos três anos de idade, quase cinco milhões de estudantes de quatro e cinco anos, vinte e cinco milhões de jovens entre 6 e 14 anos, além de pouco mais de oito milhões de adolescentes entre os 15 e 17 anos. Essa é a estimativa de alunos nas escolas, de acordo com o Anuário Brasileiro da Educação Básica, uma publicação que reúne as informações mais recentes como as pesquisas do IBGE e do Inep/MEC. A publicação ainda estima que nas escolas públicas, estejam lotados mais de um milhão e setecentos mil professores.

Isso demonstra como essa iniciativa pode ser relevante para a população em um momento de pandemia, como destaca o secretário de Educação do município de Dois Riachos (AL) e presidente União dos Dirigentes Municipais de Educação de Alagoas, Rubens Araújo.

“Alguns municípios não teriam condições de fazer esses kits para evitar a Covid-19 com recursos próprios. É importante o Ministério da Saúde fazer esse investimento na educação e a gente contribuir com as famílias dos alunos para que eles não tenham nenhum problema com a Covid-19 e nós não termos a transmissão”, ressaltou.

Essa medida é uma parceria entre os ministérios da Saúde e Educação, junto aos estados e municípios, que é realizada por meio do Programa Saúde na Escola e faz parte das estratégias no âmbito da Atenção Primária à Saúde, com objetivo de promover qualidade de vida aos estudantes da rede básica de ensino por meio de ações de prevenção, promoção e atenção à saúde.

Apesar de ser uma iniciativa importante, o professor do Instituto de Medicina Social (IMS/Uerj), Guilherme Werneck, que também é vice-presidente da Associação Brasileira de Saúde Coletiva (Abrasco) e da Frente Pela Vida, explicou que é necessário mais ações para que a Covid-19 deixe de ser uma ameaça aos estudantes e professores.

Governo propõe aumento de cerca R$ 1,7 bi no orçamento do Ministério da Educação para 2021

Proinfância já financiou 574 obras em creches e escolas de municípios do país, em 2020

“Esses são recursos importantes que vão ajudar as escolas a se organizarem nos municípios, mas obviamente é muito mais complexa e que vai envolver, principalmente, o controle da infecção naquela comunidade. E é importante salientar isso, é uma boa iniciativa mas não resolve o problema apenas cria condições para quando as escolas e os municípios retornarem”, avaliou.

Além dos recursos destinados aos municípios, o Ministério da Saúde elaborou documento com orientações para gestores locais, profissionais de saúde e educação a respeito de medidas sanitárias que possam garantir maior segurança aos estudantes, profissionais, familiares e comunidade durante a retomada das aulas presenciais de toda a rede básica de ensino do Brasil.

Entre as orientações, estão especificadas recomendações sobre higienização e etiqueta respiratória. Também constam informações sobre como o coronavírus é transmitido e quais são os principais sintomas da Covid-19 que os estudantes devem ficar atentos. O processo de aquisição desses materiais e insumos é de responsabilidade dos municípios, observando as devidas legislações para as compras públicas.  

Foto: Pixabay (Pexels)

Leia mais

Secretaria de Saúde de Nova Venécia distribui protetor facial para profissionais

Profissionais da saúde que atuam em Nova Venécia...

Funcionário que sobreviveu a explosão na pedreira Guidoni teve queimaduras em 18% do corpo

Uma explosão em uma pedreira da empresa Guidoni deixou uma pessoa morta e outras duas feridas em Barra de São Francisco nesta segunda-feira (13). As...

Sergio Moro anuncia saída do Ministério da Justiça

Sergio Moro confirmou nesta sexta-feira, 24 de abril de 2020, sua saída do Ministério da Justiça. "Vou começar a empacotar minhas coisas", disse Moro. Bolsonaro “tinha...

Leia também

Turista mineiro desaparece após entrar no mar da Praia do Morro em Guarapari

Turista mineiro desapareceu após mergulhar no mar da...

Mulher atropela e mata marido após discussão em Linhares

Ela foi encaminhada para o hospital em estado de choque. Homem morreu no local. Bombeiros tentaram resgatar homem mas ele não resistiu e morreu no...

Campanha novembro azul: Agência Sicoob de Ecoporanga está oferecendo exames gratuitos para homens acima de 45 anos

O mês de novembro “Novembro Azul”, é totalmente dedicado à saúde dos homens. Por isso a Agência Sicoob de Ecoporanga está oferecendo exames gratuitos...

Campanha novembro azul: Agência Sicoob de Ecoporanga está oferecendo exames grátis para homens acima de 45 anos

O mês de novembro “Novembro Azul”, é totalmente dedicado à saúde dos homens. Por isso a Agência Sicoob de Ecoporanga está oferecendo exames gratuitos...