Reta final promete esquentar na eleição de Barra de São Francisco

A campanha eleitoral em Barra de São Francisco, que até então estava fria, parece aquecer na reta final.

Faltando poucos dias para a eleição, a disputa entre os três candidatos deve permanecer até o último minuto.

Juvenal Calixto, do PP, mantém a candidatura apostando nos jovens que gostam baladas e ostentação. Muitos dos cabos eleitorais são jovens que usam todo seu potencial, principalmente nas redes sociais, para convencer os eleitores.

Lançado como candidato do “grupo dos Pereiras”, Juvenal conseguiu o apoio do grupo do policial Marcelo Firmino e do PT, que ficou com a vaga de vice. Uma união histórica.

Enivaldo dos Anjos, do PSD, mantém a linha que desde o início o fez favorito, apresentando o que já fez pela cidade e garantido que o município terá uma administração voltada ao crescimento.

Com apoio de prefeito Alencar Marim, do governador Renato Casagrande e vários deputados, entre eles, o presidente da Assembleia Legislativa, Erick Musso. Enivaldo tem ao seu lado também a maioria dos atuais vereadores.

Denilson Ferreira, candidato do Solidariedade, tem ampliado o contato com eleitores e deve seguir até o último dia tentando conquistar o voto dos indecisos.

Sem apoio dos dois grupos políticos, usa isso como diferencial para conquistar parte do eleitorado que quer mudança.

Considerando os números das últimas eleições, Enivaldo e Denilson levam vantagem sobre Juvenal, já que o grupo do Pereiras saiu derrotado na última eleição municipal, em 2016 e também em 2018, na eleição estadual, quando ficou escancarada a rejeição do grupo de Edinho.

Enivaldo foi eleito deputado há dois anos, com maior votação em Barra de São Francisco. É o representante do que hoje pode ser considerado o maior grupo político do município.

Já Denilson aposta na rejeição dos dois grupos. Como mostrado aqui, o número de votos contra Pereiras e dos Anjos pode fazer dele uma surpresa nessa eleição.

 

Leia mais

Leia também