Reflexão sobre a pandemia em forma de poesia com a escritora francisquense Adriana Toledo

 

Sairemos Dessa Pandemia!

Sairemos dessa pandemia aos pedaços, remendados e feridos.

Mesmo sabendo das incertezas que virão, não perdemos a vontade de reconstruir, recomeçar a cada dia.

Seja grato por estar vivo, muitos já se despediram.

Encha seu coração de amor, por onde for, plante uma semente de otimismo e esperança.

Não desmereça nem critique quem pensa diferente de você, não está sendo fácil para a humanidade, e não será.

Seguimos mantendo a fé que, em breve, o dono do mundo determinará o fim dessa guerra.

Continuaremos lutando, estendendo a mão a quem precisar.

Se o bem podemos fazer, façamos a diferença em ajudar.

Mesmo cansados, a vontade de viver jamais poderá morrer.

Adriana Toledo

Leia mais

Leia também