Receita Federal amplia rol de produtos para despacho de importação prioritária

Compartilhe

mcam20022020-4.jpg

Receita Federal amplia rol de produtos para despacho de importação prioritária
– Foto:
Marcelo Camargo/Agência Brasil

A Receita Federal ampliou o rol de produtos que terão seu despacho de importação realizado de maneira prioritária para auxiliar no combate à pandemia causada pelo novo coronavírus. A Instrução Normativa RFB nº 1.944, publicada na segunda-feira (4), prevê o despacho prioritário para matérias-primas destinadas à fabricação de medicamentos, além de consolidar a lista de produtos que já tinham o despacho prioritário. 

Clique aqui para acessar a lista de produtos 

Conforme previsto na Instrução Normativa RFB nº 1.927, publicada no dia 17 de março, os produtos destinados ao combate à pandemia têm maior celeridade no trâmite aduaneiro, sendo permitida a entrega da mercadoria ao importador antes da conclusão da conferência aduaneira. Além disso, as declarações de importação envolvendo estas mercadorias deverão ter tratamento prioritário, tanto pelas unidades da Receita Federal, quanto pelo depositário responsável por sua custódia.

Com a nova norma, a Receita Federal busca manter um fluxo rápido de abastecimento de bens, mercadorias e matérias-primas destinadas ao combate da epidemia e evitar gargalos nos recintos aduaneiros ao agilizar a entrega da carga e permitir sua utilização econômica para reforçar o combate ao vírus.

A medida alinha-se com o plano de resposta à epidemia elaborado pelo Ministério da Saúde na Portaria nº 188, de 3 de fevereiro de 2020, que declara Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional (ESPIN) em decorrência da Infecção Humana pelo novo Coronavírus (2019-nCoV), e também à Portaria nº 356, de 11 de março de 2020, que dispõe sobre a regulamentação e operacionalização do disposto na Lei nº 13.979, de 6 de fevereiro de 2020, que estabelece as medidas para enfrentamento de tal emergência.

Leia também

Plano Safra 2022/2023 começa a valer nesta sexta-feira (1º)

O Plano Safra 2022/2023 começa a valer a partir desta sexta-feira (1º) até o dia 30 de junho...

Governo deve impedir preços abusivos de fertilizantes, defende autor de proposta de fiscalização

Em entrevista ao portal Brasil61.com, o deputado federal Domingos Sávio (PL-MG) afirma que o governo precisa impedir preços...

Expansão urbana: Barra de São Francisco deve chegar a cinco mil novas moradias até 2029

  No centro estratégico de convergência de duas estradas de ferro já autorizadas pelo Governo Federal à Petrocity Ferrovias,...

Petróleo desaba, Bolsa cai e dólar acelera sob temor de recessão

CLAYTON CASTELANI SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O temor de recessão generalizada aprofundava o mergulho dos mercados de...

EMENDA DE KIGALI: Brasil terá que reduzir em 80% o consumo de gases poluentes até 2045, se acordo for ratificado

O Brasil terá que reduzir em 80% o consumo de hidrofluorcarbonos (HFC) até 2045, se a Emenda de...

Público lota avenida para ver manobras radicais da Equipe Força & Ação

Um grande público, formado em sua maioria por jovens, lotou o trecho da avenida Jones dos Santos Neves,...

Dia Nacional da Imunização

Olá, gente, tudo tranquilo com vocês? Fabi Costa aqui, para o sexto episódio da nossa série de podcasts: Onde...

Casagrande participará da inauguração da clínica de hemodiálise neste sábado (02), em Barra de São Francisco

A inauguração da Clínica de Hemodiálise de Barra de São Francisco, foi confirmada pela empresária Josi Lopes e...