Quatro são presos ‘pescando’ envelopes com dinheiro em caixas eletrônicos no Espírito Santo

Quatro pessoas, sendo dois homens e duas mulheres, foram presos em flagrante pela Polícia Militar quando furtavam dinheiro de caixas eletrônicos em uma agência da Caixa Econômica Federal de Cachoeiro de Itapemirim, no Sul do Espírito Santo.

As prisões aconteceram no último sábado (18) e foram divulgadas nesta segunda-feira (20) pela Polícia Federal.

A PF informou que teve notícia de uma série de furtos semelhantes em outras agências em Vitória e Vila Velha, nos dias anteriores e, juntamente com a área de segurança da Caixa, conseguiu identificar o grupo que, no entanto, já havia deixado a capital capixaba.

Acionada pela PF, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) conseguiu identificar o carro que o grupo estava utilizando e, a partir dessa informação, foi possível localizar os criminosos dentro da agência bancária de Cachoeiro praticando novos furtos.

A Polícia Militar então fez as prisões sem nenhuma resistência por parte do quarteto. Com eles, foi encontrado dinheiro dos furtos cometidos anteriormente em pelos menos outras quatro agências, além dos apetrechos utilizados para o cometimento dos crimes.

De acordo com a PF, essa modalidade de furto é conhecida no meio criminoso como “pescaria”, pois os ladrões utilizam uma ferramenta própria para penetrar os cofres dos caixas e retirar valores depositados em envelopes. Esse dispositivo mecânico é comumente chamado de “jacaré”.

Ainda segundo a polícia, dois dos quatro detidos foram presos em flagrante, pelo mesmo crime, no dia 17 de junho deste ano, na Bahia.

Os nomes dos presos não foram divulgados.