Putin: ‘Forças contrárias’ aproveitam descontentamento social para promover protestos


Agência Sputnik – As “forças contrárias” aproveitaram o descontentamento do povo e usaram o opositor Aleksei Navalny para promover os protestos não autorizados na Rússia, declarou o presidente Vladimir Putin em reunião com os diretores dos meios de comunicação russos.

“Estão usando este indivíduo [Navalny] precisamente agora, precisamente quando, em todo o mundo, e também na Rússia, se acumulam o cansaço e o descontentamento entre as pessoas, também no que se refere às condições de vida, ao nível de renda”, disse Putin na reunião que ocorreu em 10 de fevereiro e cujos trechos foram transmitidos neste domingo (14) pela emissora de televisão Rossiya 24.

É uma situação “da qual pretendem se aproveitar as forças contrárias, e também estão tentando isso em nosso país e o fazem”, destacou o líder russo.

Além disso, Putin afirmou que os adversários da Rússia, reais e potenciais, sempre se utilizam de pessoas “muito ambiciosas e ansiosas pelo poder” para conseguir seus objetivos.

Os protestos não autorizados aconteceram em diversas cidades da Rússia nos dias 23 e 31 de janeiro, e também em 2 de fevereiro em Moscou, após a sentença emitida contra o opositor Aleksei Navalny, na qual um tribunal tornou efetiva a sua pena suspensa de três anos e meio de prisão.

O presidente da Rússia, Vladimir Putin

O presidente da Rússia, Vladimir Putin (Foto: Sputnik/Mikhail Klimentyev/Kremlin via REUTERS)

Leia mais

Leia também